Sobre o terrorismo

Uma estratégia de guerra psicológica

Postado por Gabriel Tosoni Sant` Anna em 17 de Junho de 2017 às 22h24
Atualizado em 17 de Junho de 2017 às 22h24

Primeiramente, o terrorismo é uma manifestação de interesses por meio do medo, do terror e de meios violentos. O terrorismo é um termo que deve ser profundamente e detalhadamente estudado, não só ele mas os praticantes do terrorismo.

O que leva alguém a praticar o terrorismo? O terrorismo assombra a humanidade. Hoje em dia quando ouvimos o nome: terrorismo, já ficamos pensando em explosões, tiros e tragédia. É impressionante como apenas um simples substantivo pode causar medo e terror. Mais de 150 mil ataques terroristas já ocorreram no mundo desde 1970. No terrorismo questões ideológicas, políticas e religiosas se misturam. Temos de tomar cuidado com essa questão da mistura, pois não devemos pensar como o senso comum. Todo muçulmano é homem bomba. Um dos pequenos mais errados que o ser humano já teve.

O principal objetivo do terrorismo é alcançar algum objetivo político, podemos ver o terrorismo como uma estratégia de guerra psicológica. Pesquisas mostram que os terroristas em sua maioria  não são pessoas com distúrbios mentais, na verdade são pessoas que foram fortemente influenciadas por grupos extremistas, essas pessoas são conscientes do que fazem, mas fazem achando que é algo bom e que seus desejos serão atendidos e na maioria das vezes é isso que acontece. Influências sociais que podem levar pessoas boas a cometerem atos inconscientes e de extrema violência. O terrorismo segundo estudiosos começou no século 1 d.C., mas foi no século XXI que as ações terroristas se acentuaram.

Com o avanço tecnológico houve um avanço no terrorismo na questão armamentista. O principal ato terrorista ou o mais focado foi o ocorrido em 11 de setembro de 2001, nos Estados Unidos, contra as duas torres do World Trade Center e o Pentágono. Dois aviões sequestrados pela Al Qaeda (supostamente) se chocaram contra as torres gêmeas e posteriormente um se chocou contra o Pentágono para intimidar o governo norte-americano, que respondeu aos atentados atacando as montanhas do Afeganistão que abrigava Osama Bin Laden, líder da Al Qaeda.

Atualmente, há várias campanhas para acabar com o terrorismo. Mas cada dia vemos mais e mais ataques acontecendo. Minha pergunta é: Por que o uso do terror, por que o terrorismo? Na verdade a própria humanidade causa sua ruína com ações de muita violência e que quase sempre atingem inocentes e aumentam ainda mais o ódio e o desejo de retaliação.

 

(Gabriel Tosoni Sant` Anna Moura, estudante)