Mudança de rota

Daniel Alves aceita convite do PSG e se desculpa com Guardiola

Postado por Redação em 12 de Julho de 2017 às 22h55

O lateral direito Daniel Alves foi apresentado como novo reforço do Paris Saint-Germain na manhã desta quarta-feira. O brasileiro vestiu a camisa 32 e aproveitou o momento para pedir desculpas a Pep Guardiola e torcedores do Manchester City.

“Se Pep Guardiola e Manchester City ficaram magoados, eu peço desculpas. Mas eu vim para o PSG ser campeão. Tem um projeto muito importante em Paris. Tenho amigos aqui e sou um homem que ama desafios”, afirmou Dani em entrevista coletiva.

O lateral brasileiro conquistou a Liga dos Campeões com o Barcelona em três oportunidades, e espera que sua experiência no torneio ajude o clube francês a levantar seu primeiro título da maior competição europeia de clubes. Tanto PSG quanto Manchester City nunca venceram a Champions League.

“O presidente tem um grande poder de persuasão. Eu gosto de fazer história, e podemos escrever juntos. O trabalho que o clube vem fazendo nos últimos anos é muito encorajador. É um time ambicioso”, acrescentou.

Recepcionado pelo compatriota Maxwell, lateral-esquerdo do PSG até a temporada passada, o reforço foi definido como “um mágico… parisiense”, “astro mundial”, com “pedigree estratosférico”. Daniel Alves é o 30º brasileiro na história do clube, cujo passado teve passagens Raí, Leonardo, Vampeta, Ronaldinho Gaúcho, Nenê, entre outros, e conta atualmente com os zagueiros Thiago Silva e Marquinhos, além do volante Thiago Motta, este naturalizado italiano, e o atacante Lucas.

“Estou muito contente e orgulhoso em receber Daniel Alves em nosso clube. Daniel não é apenas há uma dúzia de anos um dos melhores defensores do mundo, também é uma figura reconhecida e apreciada por fãs de futebol em todos os continentes. Sua exigência e energia vão trazer muito para o nosso grupo, e os nossos fãs vão adorar o espírito de luta que nunca deixará de animar Dani. Ao escolher Paris Saint-Germain, Daniel mostra toda a vitalidade e capacidade de atração do nosso projeto”, disse Nasser Al-Khelaifi, presidente do Paris Saint-Germain.

O elenco parisiense possui alguns velhos conhecidos de Daniel Alves. Os principais são os brasileiros Thiago Alves e Marquinhos, que costumam defender a Seleção Brasileira ao lado de Dani. O atacante Lucas Moura também já dividiu a concentração da Amarelinha com Dani.

Daniel Alves está com 34 anos e foi um dos destaques da Juventus em 2016/17. Titular da seleção brasileira de Tite, o lateral-direito acertou com o clube de Turim após sete anos de Barcelona. Conquistou o Campeonato Italiano, a Copa da Itália e foi vice da Liga dos Campeões, perdendo a decisão para o Real Madrid. No entanto, acabou rescindindo o contrato com a Juve ao fim da temporada. O PSG agora é sua nova casa.