Anápolis

Homem é preso suspeito de matar outro por dívida de R$ 10 em Anápolis

Suspeito confessou o crime, mas não se pronunciou a respeito da motivação

diario da manha
Foto: Reprodução

Na manhã desta terça-feira (3/9), a Polícia Civil do Estado de Goiás (PCGO), com apoio dos policiais civis do 1°DP de Trindade, Região Metropolitana de Goiânia, cumpriu o mandado de prisão preventiva por homicídio qualificado de Abilio L. Oliveira Neto, de 31 anos, por meio do Grupo de Investigação de Homicídios (GIH) de Anápolis, na Região Central do Estado, à 55 quilômetros de Goiânia.

O homem é apontado como autor do homicídio qualificado de Joceli Raimundo de Oliveira, de 33 anos, conhecido como “Miguelão”, ocorrido no dia 19 de agosto de 2011, na Rua Manoel Nepomuceno, no Jardim Santa Cecília, em Goiânia.

Segundo informações, Joceli caminhava pela rua quando Abilio fez um disparo com arma de fogo que atingiu as costas dele. A vítima era usuária de drogas e de acordo com o depoimento do irmão dele, Jocelio devia R$ 10,00 a Abilio, que vendia entorpecentes na região.

Após o crime, o autor deixou a cidade de Anápolis e fugiu por 8 anos residindo em várias cidades, como Goiânia e Abadia de Goiás. Após as investigações do GIH, o homem foi encontrado e preso na cidade de Trindade. Ele confessou o crime, mas não se pronunciou a respeito da motivação. Abilio já possui antecedentes criminais por tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo, ele está no presídio local.

Outra prisão por homicídio qualificado em Anápolis

Na última semana, dois homens foram presos pelo GIH de Anápolis, apontados como autores do homicídio qualificado do comerciante Jocelito Oliveira Costa, em um restaurante no Setor Vila Residencial Pedro Ludovico.

De acordo com informações eles chegaram armados ao estabelecimento. Eles teriam ido ao restaurante cobrar uma dívida que seria da irmã de Jocelito, cerca de R$ 40.000,00. Segundo informações, os dois eram pai e filho e, o crime foi flagrado por câmeras de segurança.

Comentários