Cidades

Suspeito de matar a mulher queimada em São Paulo, é preso em Goiânia

Antes de ser morta em outubro, Sheron chegou a ir à delegacia para registrar um Boletim de Ocorrência contra o marido por lesão corporal e ameaças.

diario da manha
Foto: Reprodução/ Alex e Sheron

Um homem suspeito de matar a mulher queimada em São Paulo, foi preso na última sexta-feira (19/7) pela Delegacia Estadual de Investigação de Homicídios (DIH) de Goiânia.

Conforme divulgado pela Polícia Civil do Estado de Goiás (PCGO), o suspeito foi identificado como Alex Alexandre Ferreira, o qual teve o mandado de prisão preventiva em seu desfavor cumprido em Goiânia.

A polícia informou que Alex foi processo pelo crime de feminicídio por ter matado a mulher, Sheron Chaves Monteiro, de 34 anos, queimada em outubro do ano passado, na cidade de São Paulo, na capital paulista.

Mulher queimada foi socorrida por vizinha, mas não resistiu aos ferimentos e morreu após quatro dias internada

Conforme as investigações, Alex no dia do crime jogou álcool e colocou fogo na vítima e a trancou em seu quarto e fugiu logo depois. Sheron ficou presa por aproximadamente 17 horas e teve 70% do corpo queimado, até uma vizinha lhe socorrer.

Após ser socorrida pela vizinha, Sheron chegou a ser levada para o hospital para receber o tratamento adequado, mas infelizmente após quatro dias internada, Sheron não resistiu e morreu na unidade de saúde.

Na época o hospital que atendeu a vítima informou que Sheron apresentava queimaduras na face, crânio, membros inferiores e superiores, tórax, abdômen, genitália, períneos e ânus.

Após a morte da vítima, o irmão de Sheron afirmou que já tinha ido com ela registrar uma ocorrência de lesão corporal e ameaças contra Alex, no mês de agosto, mas que Sheron não fez o exame no Instituto Médico Legal (IML) e por isso não houve representação contra Alex. Após o registrar o caso na polícia o casal reatou o compromisso.

Alex por sua vez após fugir da cena do crime, fugiu também para outro estado e na última sexta-feira, acabou preso pelo crime em Goiás.

Comentários

Mais de Cidades

29 de julho de 2019 as 16:33

Nota de Falecimento

15 de maio de 2019 as 15:55

16°CRPM EM AÇÃO

15 de maio de 2019 as 15:53

CPC EM AÇÃO