Cidades

Empresário goiano que estava desaparecido nos EUA é encontrado morto

Tiago tinha o costume de pescar sozinho, em suas horas vagas, como forma de “aliviar o estresse”

diario da manha
Foto: Reprodução

O empresário goiano, Tiago Lopes de Passos, de 34 anos, que estava desaparecido desde a última segunda-feira (19/8) nos Estados Unidos, foi encontrado pela Guarda Costeira do país, sem vida. Tiago foi visto pela última vez quando saiu para pescar em alto mar, em Nova Jersey.

A irmã de Tiago, Raquel Lopes de Passos, confirmou a morte do empresário e afirmou que o corpo foi encontrado no mar pelas autoridades americanas.

Segundo Raquel, o velório do irmão será nos Estados Unidos e, eles estão esperando para que seja feito todo procedimento para liberar o corpo. Ela mora com a mãe em Goiânia, mas elas embarcaram para os EUA, na última quarta-feira (21/8), na data em que o corpo de foi encontrado.

Uma nota oficial divulgada pela Guarda Costeira dos EUA, afirmou que o corpo foi encontrado na manhã de quarta-feira, em Thompson Beach, Em Nova Jersey. As buscas por Tiago começaram na manhã da última terça-feira (20/8).

Empresário vivia há 17 anos nos EUA

As buscas iniciaram horas após a família comunicar o desaparecimento do empresário. A polícia encontrou o carro de Tiago, o caiaque que ele usava para pescar e os documentos pessoais.

Em nota, o capitão da Baía de Delaware, Scott Anderson, expressou condolências à família e agradeceu o esforço da Guarda Costeira. Ele ainda agradeceu a polícia de Nova Jersey e os bombeiros do Condado de Cuberland pelos trabalhos aéreo e marítimo realizados durante as buscas pelo empresário.

A família de Tiago afirmou que o goiano vivia nos EUA há 17 anos e tinha o costume de pescar sozinho, em suas horas vagas, como forma de “aliviar o estresse”. O empresário deixa a esposa, um filho de 12 anos e duas enteadas.

Com informações do G1

Comentários

Mais de Cidades

29 de julho de 2019 as 16:33

Nota de Falecimento

15 de maio de 2019 as 15:55

16°CRPM EM AÇÃO

15 de maio de 2019 as 15:53

CPC EM AÇÃO