Cidades

Enel moderniza inspeção da rede elétrica com uso de helicóptero

Inspeção será feita na região metropolitana de Goiânia. Até o fim de 2019, cerca de 57 mil quilômetros de redes serão vistoriados em todas as regiões do Estado, principalmente área rurais

diario da manha

A Enel Distribuição Goiás está utilizando um helicóptero para realizar inspeções na rede elétrica e agilizar as ações de manutenção, especialmente em área rurais, onde a inspeção por terra leva mais tempo. A aeronave estará na região Metropolitana durante esta semana para realizar o trabalho, que vai abranger cerca de 3 mil quilômetros de redes nas cidades de Abadia de Goiás, Aparecida de Goiânia, Araçu, Aragoiânia, Bela Vista de Goiás, Bonfinópolis, Brazabrantes, Caldazinha, Campestre de Goiás, Caturaí, Damolândia, Gameleira de Goiás, Goianira, Guapó, Hidrolândia, Inhumas, Itauçu, Leopoldo de Bulhões, Nerópolis, Nova Veneza, Santa Barbara de Goiás, São Miguel do Passa Quatro, Senador Canedo, Silvânia, Trindade, Varjão e Vianópolis.

A iniciativa reforça o compromisso da Enel com a inovação, focada na melhoria da qualidade do serviço no Estado. Ao todo, em cerca de um ano e meio de trabalho em Goiás, cerca de 57 mil quilômetros de redes serão vistoriados até o fim de 2019, com um investimento total de R$ 21,6 milhões.

O presidente da Enel Distribuição Goiás, Abel Rochinha, explica que o objetivo é ter uma visão aérea das linhas de distribuição de alta tensão e redes de média tensão, localizadas em locais afastados das regiões urbanas, onde os carros da companhia não têm fácil acesso. “Conseguimos verificar pontos de aquecimento na rede onde é necessário realizar ações de manutenção preventiva ou corretiva de equipamentos ou, ainda, áreas para realização de podas de árvores que estejam muito próximas à fiação elétrica. A inspeção aérea permite planejar melhor o trabalho das equipes, ganhando tempo e atuando com mais precisão na melhoria da qualidade do fornecimento de energia”, afirma.

As inspeções aéreas começaram no ano passado, no município de Luziânia, no entorno do Distrito Federal. A aeronave utilizada é equipada com uma câmera de alta resolução, que filma todo o trajeto, um aparelho de tecnologia LIDAR (da sigla inglesa Light Detection And Ranging), além de um equipamento termográfico. Com a câmera pode-se registrar possíveis problemas na rede elétrica de diversos ângulos diferentes. Por meio de tecnologia LIDAR, é possível detectar a distância exata entre a vegetação e os condutores elétricos. Já a câmera termográfica permite verificar a temperatura de conexões e equipamentos. Em terra, uma equipe da Enel recebe todas as informações geradas pelo helicóptero e, dessa forma, consegue realizar os serviços na rede com precisão. O helicóptero opera em altitude segura, garantindo a confiabilidade das manobras.

O projeto de inspeção aérea por helicóptero faz parte do compromisso da Enel em buscar soluções inovadoras, diminuindo os riscos à segurança dos colaboradores, dos clientes e da população em geral. A iniciativa também está sendo desenvolvida pelo Grupo Enel no Ceará.

tags:

Comentários

Mais de Cidades

29 de julho de 2019 as 16:33

Nota de Falecimento

15 de maio de 2019 as 15:55

16°CRPM EM AÇÃO

15 de maio de 2019 as 15:53

CPC EM AÇÃO