Cidades

Homem é preso por estupro de vulnerável

A mãe da criança afirmou que uma amiga dela teria permitido que a criança fosse abusada

diario da manha
Foto: Reprodução

Na última segunda-feira (19/8), um suspeito de estuprar uma menina de cinco anos foi preso. Uma amiga da mãe da criança teria ajudado no crime. A Polícia Militar do Estado de Goiás foi acionada através do Comando de Operações (Copom), para irem até a Avenida Manaus, na Vila João Vaz em Goiânia.

Ao chegar no local a mãe da criança afirmou que a filha teria saído com a Same, uma amiga dela e, ela teria permitido que a criança fosse abusada por um homem conhecido por Neguinho. Após pegar algumas informações físicas sobre os dois envolvidos, a equipe policial iniciou as buscas pela região.

Os suspeitos foram encontrados rapidamente e logo foram reconhecidos pela mãe e pela vítima. Os dois foram conduzidos ao Instituto Médico Legal (IML) e logo após para a Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam), onde foram autuados em flagrante pelo crime de estupro de vulnerável.

Cerca de 450 casos de estupro foram registrados em Goiás

Dados do Mapa da Violência Contra a Mulher afirmam que, o estupro, foi pauta da mídia brasileira 32.918 vezes, só entre os meses de janeiro e novembro do ano passado. Das vítimas, 43% têm menos de 14 anos.

Segundo os dados divulgados pela Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher, o maior número de abusadores sexuais compartilha laços sanguíneos ou são pessoas de confiança da família. Em 60 % dos casos de estupro, os parentes são os responsáveis.

Em Goiás, entre janeiro e junho de 2019, cerca de 450 casos de estupro foram registrados, segundo a Secretaria de Segurança Pública do Estado de Goiás (SSP-GO). Os números aumentaram cerca de 7% em comparação com o mesmo período do ano passado. No ano passado, os dados do Mapa da Violência apontaram mais de 6,2 mil casos de estupro em toda Região Centro-Oeste.

Comentários

Mais de Cidades

29 de julho de 2019 as 16:33

Nota de Falecimento

15 de maio de 2019 as 15:55

16°CRPM EM AÇÃO

15 de maio de 2019 as 15:53

CPC EM AÇÃO