Cidades

Polícia prende homens suspeitos de aplicarem golpe ‘Boa noite, Cinderela’ no Rio

Prejuízo de uma das vítimas chegou a quase R$ 30 mil

diario da manha

A Polícia Civil do Rio de Janeiro prendeu dois homens acusados de integrar uma quadrilha que aplica o golpe conhecido como ‘Boa noite, Cinderela’. Uma vítima fez o reconhecimento dos suspeitos, identificados como João Marcos Batista de Matos, de 28 anos, e Matheus Gidiony Tavares, de 27. O prejuízo da testemunha chegou a quase R$ 30 mil.

As investigações apontam que a quadrilha atua em pelo menos cinco estados do país. No golpe, os homens abordam as pessoas em bares e boates para dopá-las. Com as vítimas inconscientes, os suspeitos realizam saques e compras de altos valores em seus cartões.

De acordo com a polícia, os dois suspeitos agiam junto aos atores de filmes pornô João Bosco Rodrigues Junior e Jemison Portela dos Santos, que foram indiciados por terem cometido um crime semelhante. João Bosco foi detido em outubro na capital paulista, já Jemison Portela está foragido.

Agentes da 13ª DP (Ipanema), também prenderam em dezembro um quinto suspeito. Segundo as investigações, o taxista Fábio Borges dos Santos, seria o responsável por transportar os criminosos e as vítimas dopadas. A quadrilha usava uma substância chamada ketamina, originalmente empregada para induzir e manter a anestesia em animais de grande porte, como cavalos, para dopar as vítimas e cometerem os crimes.

Com a prisão, João Marcos e Matheus foram autuados por furto qualificado e associação criminosa.

*Com informações do jornal Extra.

Comentários