Cotidiano

Alunos revidam agressão

Marcelo Mendes
Da Editoria de Cidades
A filha de Daniel Carneiro, 51 anos, policial civil que agrediu o estudante na última quinta-feira em Trindade foi vítima de revide. As agressões foram feitas na manhã desta segunda-feira na porta do Colégio Estadual Alfa Ômega, localizado na cidade de Trindade, região metropolitana da capital.
Conforme divulgação feita pela Polícia Civil, a garota agredida não teve lesões mais sérias devido a intervenção de professores durante a briga. Os envolvidos foram encaminhados à delegacia local.
Já em relação ao caso da semana passada, a polícia informou que o inquérito foi concluído, o qual indicia o agressor por crime de exposição ao perigo e contravenção. Uma vez que apontou arma de fogo em direção aos civis na porta da unidade educacional e ainda ter agredido um menor.

Comentários

Mais de Cotidiano