Cotidiano

José Eliton visita projeto que beneficia 700 crianças na Bahia

Governo de Goiás avalia implantar iniciativa educacional semelhante. “Estou impressionado com o que vi”, disse vice-governador, que visitou instalações do programa que tem a Rede Record como mantenedora

diario da manha

 

 

O vice-governador e secretário de Desenvolvimento Econômico (SED), José Eliton, visitou ontem o Projeto Nova Canaã, em Irecê, no interior da Bahia. Trata-se de uma iniciativa realizada pela Associação Beneficente Projeto Nordeste, que tem a Rede Record como mantenedora, por meio de doações em campanhas. O local promove o desenvolvimento social de cerca de 700 crianças e também seus familiares.

Um dos principais objetivos da visita foi conhecer o funcionamento e levar a ideia para Goiás. “Estou impressionado com o que vi aqui e, com certeza, queremos estudar uma maneira de oferecer um projeto como este aos goianos”, disse José Eliton.

Acompanhado pelo prefeito de Águas Lindas, Hildo do Candango, e pelo advogado Djalma Rezende, José Eliton conheceu as instalações e todo o funcionamento da iniciativa. Localizado em uma fazenda de 450 hectares, o projeto abriga crianças e jovens com idade entre 4 e 6 anos. Além de estudos, os beneficiados contam, diariamente, com atividades de lazer, cultura, oficinas de capacitação, além de alimentação.

Um dos diretores, Leonardo Santos explicou ao vice-governador que são servidas cerca de 3 mil refeições todos os dias. Além disso, o projeto oferece material didático entregue aos beneficiados no início de cada ano. Ônibus adaptados buscam e levam os alunos em suas residências todos os dias. “Buscamos oferecer toda assistência que estas crianças merecem”, afirmou.

O vice-governador afirmou que um dos seus maiores desejos é de que o projeto semelhante seja implementado em Goiás. “É uma experiência que tem todo o nosso reconhecimento”, disse. Segundo ele, a ideia é que um projeto-piloto seja levado para o município de Águas Lindas. Em entrevista, José Eliton afirmou que a iniciativa investe de forma contundente em educação e que, em Goiás, o assunto é tratado como uma das maiores prioridades do governador Marconi Perillo. “É uma grande referência que levaremos para discutir no Estado”, informou.

O Projeto Nova Canaã existe desde 1999 e emprega cerca de 150 pessoas. Os custos são mantidos por meio de arrecadação on-line. As famílias das crianças também são beneficiadas. Elas recebem cestas básicas e vestuário, por exemplo.

 

Histórias de sucesso

Monitora há três anos da iniciativa, Manuela Maria Dias afirma que, após incorporados ao projeto, as crianças e jovens que apresentavam problemas de comportamento melhoram significativamente. “Observamos uma melhora muito grande na disciplina deles. O projeto ajuda bastante também neste sentido”, diz.

Asafe Felipe tem 13 anos e, há sete, faz parte do projeto. Ele cursa o 8º ano e, após as aulas, participa de atividades de judô. Ele garante que a iniciativa contribui de forma decisiva com sua formação humana e estudantil. “Não tenho do que reclamar. É muito bom estar aqui e me ajuda bastante”, relata.

tags:

Comentários

Mais de Cotidiano