Cotidiano

Líder de quadrilha, garota de 15 anos é chamada de "Do Terror"

Adolescente convenceu amiga de 16 anos que estava grávida a participar de assalto

diario da manha
As duas amigas que foram apreendidas após participarem de assaltos em São Paulo

Uma quadrilha que atuava roubando residências em Bertioga, no litoral de São Paulo, detida em flagrante na quarta-feira (27), era liderada por uma adolescente de 15 anos. De acordo com o delegado responsável pelo caso, a jovem possui o apelido de “Do Terror”. A garota convenceu uma amiga de 16 anos, grávida, a participar do crime desta quarta, quando uma família chegou a ser feita refém.

Segundo o G1, a adolescente não tinha passagens pela polícia, mas, segundo as autoridades, organizava assaltos há pelo menos um mês na cidade. “O foco dessa quadrilha é roubar objetos que possam ser vendidos rapidamente, como aparelhos eletrônicos, tablets, televisões de tela plana e notebooks, sempre levando o carro das vítimas. Ao mesmo tempo, eles sempre mantinham um segundo automóvel, também roubado, para auxiliar no transporte das mercadorias”, diz o delegado José Aparecido Cardia. A jovem confessou que assaltou cinco residências, mas a polícia suspeita que ela tenha envolvimento em mais delitos. Até o momento, seis testemunhas de crimes diferentes já reconheceram a menor. “Ela age de maneira agressiva, violenta, impõe terror. Tanto que apuramos que ela tem um apelido pejorativo e é chamada de ‘Do Terror’”, conclui o delegado.

Nesta quarta-feira, quatro pessoas participaram da ação. Além da adolescente que liderava o grupo, uma amiga dela, de 16 anos, grávida, também ajudou no crime. Um rapaz, identificado como Estevão Jesus de Almeida, de 29 anos, foi preso e já possuía passagem por tráfico de drogas. O quarto membro da quadrilha conseguiu escapar. O caso foi registrado na Delegacia Sede de Bertioga.

Comentários

Mais de Cotidiano