Cotidiano

ANTT libera cobrança de pedágio entre Goiânia e Anápolis

diario da manha

Da Agência Estado

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) aprovou a 2ª Revisão Extraordinária e o reajuste da Tarifa Básica de Pedágio (TBP) do contrato de concessão da rodovia BR-060/153/262/DF/GO/MG, trecho da BR-060 e BR-153 no DF, até a divisa MG/SP e BR-262, da BR-153/MG à BR-381/MG, explorado pela Concessionária das Rodovias Centrais do Brasil S.A. (Concebra).

Segundo resolução, publicada no Diário Oficial da União desta quarta-feira (17/6), foi aprovado a Tarifa Básica de Pedágio quilométrica reajustada passa de R$ 0,02917 para R$ 0,04067, com um acréscimo de 39,40%. A resolução autoriza ainda o início da cobrança do pedágio nas 11 praças instaladas nesse trecho da rodovia.

São elas: P1 (Alexânia – BR-060/GO); P2 (Goianápolis – BR-153/GO); P3 (Piracanjuba/Professor Jamil – BR-153/GO); P4 (Itumbiara – BR-153/GO); P5 (Prata – BR-153/MG); P6 (Fronteira/Frutal – BR-153/MG); P7 (Florestal/Pará de Minas – BR-262/MG); P8 (Luz – BR-262/MG); P9 (Campos Altos – BR-262/MG); P10 (Perdizes – BR-262/MG); P11 (Campo Florido/Conceição de Alagoas/Veríssimo – BR-262/MG). A medida entra em vigor em 10 dias.

 

Comentários

Mais de Cotidiano