Atentados com quatro carros-bomba deixam dezenas de mortos na capital do Iêmen

Ataques têm como alvo três mesquitas e sede política dos houthis

SANAA — Atentados com quatro carros-bomba atingiram três mesquitas e a sede política dos rebeldes houthis, deixando ao menos 23 mortos e dezenas de feridos na capital iemenita nesta quarta-feira. Os ataques ocorrem no momento em que muçulmanos no mundo inteiro se preparam para o mês sagrado do Ramadã.

— Quatro carros-bomba tiveram como alvo o escritório político do Ansarullah, a Mesquita de Hashush no bairro de Jiraf, a mesquita Kibsi no bairro de Zira e a de Qubat al-Khadra, causando martírio e ferindo dezenas — informou um integrante do movimento houthi à Reuters.

As explosões ocorrem no momento em que delegações entram no segundo dia das negociações de paz na Suiça. Os houthis tomaram Sanaa, em setembro do ano passado, forçando a fuga do presidente Mansour Abdrabbuh Hadi. No final de março, uma coalizão liderada pela Arábia Saudita começou a bombardear os rebeldes.

Paralelamente, os houthis também têm sido alvo do Estado Islâmico. Em março, ataques de membros do grupo extremista a mesquitas frequentadas por houthis em Sanaa mataram mais de 130 pessoas.

Comentários