Cotidiano

Polícia suspeita que cantora gospel matou marido

Tânia Levy é profissional de destaque nos encontros religiosos. Ela teria tramado morte do marido, em 2013

diario da manha

Tom Carlos

A advogada Manuela Guedes, responsável pela defesa da cantora gospel Tânia Regina Levy, 38, diz que sua cliente é inocente e entrará nas próximas horas com pedido de habeas corpus.

A suspeita de matar o marido segue presa cautelarmente em São Paulo, onde a Polícia Civil prossegue as investigações. A advogada alega que a cantora gospel compareceu a todos os atos e sempre que foi chamada pelo delegado esteve presente.

Presa na tarde de quinta-feira (16), na Cadeia Pública Feminina de Santa Bárbara d´Oeste (SP), ela é considerada a principal suspeita de encomendar a morte do guarda municipal Eliel Silveira Levy.

O crime aconteceu em setembro de 2013. Na ocasião, o corpo de Eliel foi encontrado no porta-malas de seu carro, que foi incendiado em São Pedro (SP).

Conforme relatos da Polícia Civil, o irmão de Levy teria informado o desaparecimento do guarda municipal e de seu Gol preto.

O carro foi encontrado com ossos humanos carbonizados em São Pedro, numa área rural do bairro Santo Antônio. Em seis meses, a Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) realizou a perícia e confirmou que o corpo carbonizado era do guarda desaparecido.

O trabalho dos profissionais da Unicamp foi crucial e determinante: o professor de odontologia legal Eduardo Daruge Junior, que assina o laudo, procurou dados da vítima em centros de radiologia da cidade. Dois dentistas entregaram prontuários do paciente, o que revelou os implantes realizados na ossada com os dos dados do guarda desaparecido.

A Polícia Civil pretende finalizar o inquérito e enviar os documentos para o início da ação penal, que pode condenar a cantora.

O delegado ainda não comentou sobre quais seriam os motivos do suposto assassinato nem quais indícios. Ele afirma que pretende se pronunciar quando encerrar o inquérito.

Em seu blog, ainda na internet, Tania faz apologia aos ensinamentos de Cristo: “Deus requer de nós dedicação exclusiva, tempo integral! Não dá para ser crente em uma parte do dia ou da semana e na outra ser incrédulo! Um cristão verdadeiro é cristão a todo momento. Isso não significa trabalhar muito na igreja ou ter muitos compromissos “cristãos”. Significa que aonde eu for, estarei levando Cristo, pois Ele vive em mim. Não importa se estou na igreja ou no trabalho, meu comportamento deverá ser o mesmo”.

Comentários

Mais de Cotidiano