Cotidiano

Décima nona vítima da chacina na Grande São Paulo é enterrada

Elaine Patricia Cruz – Repórter da Agência Brasil

A adolescente Letícia Vieira Hillebrand da Silva, de 15 anos, uma das vítimas da chacina do dia 13 de agosto em Osasco, na Grande São Paulo, foi enterrada hoje (27) no Cemitério Parque Jaraguá, na região de Perus. O enterro teve início por volta das 16h e foi restrito a parentes e amigos, muitos deles adolescentes como Letícia. A pedido da família, a imprensa não teve acesso ao local. Nenhum parente ou amigo deu entrevista.

Letícia é a 19ª vítima da chacina. Ela estava em uma calçada, com uma amiga, na Rua Suzano, em Osasco, quando foi atingida por um tiro. A amiga foi também baleada, mas já deixou o hospital. Segundo a Secretaria de Saúde, Letícia morreu à meia-noite de ontem (26) no Hospital Regional de Osasco, onde estava internada em estado grave. Ela deu entrada na unidade com um ferimento abdominal.

Nessa quarta-feira, a Justiça Militar do estado de São Paulo decretou a prisão preventiva do soldado Fabricio Emmanuel Eleutério, suspeito de ter participado da chacina. Ele foi reconhecido pessoalmente por um sobrevivente. O soldado nega a participação no crime.

Por meio de nota à imprensa, a Secretaria de Segurança Pública (SSP) lamentou a morte da adolescente e disse se solidarizar com a família. “A SSP reafirma que confere total prioridade ao esclarecimento desse crime bárbaro. A força-tarefa composta por 50 policiais civis e técnico-científicos e os policiais militares da corregedoria mantêm-se totalmente empenhados no trabalho de identificação e prisão dos criminosos”, diz o órgão.

Editor Aécio Amado

tags:

Comentários

Mais de Cotidiano