Cotidiano

PF prende em Goiás a maior quadrilha de drogas sintéticas do País

diario da manha

Ariana Lobo,Da Editoria de Cidades

Foram presas ontem (27) cerca 22 pessoas acusadas de fazerem parte da maior quadrilha de tráfico de drogas sintéticas do País. A polícia não divulgou o número exato de pessoas presas e nem as localidades nas quais as prisões foram efetuadas. Há a informação, entretanto, que três donos de laboratórios químicos de Goiânia estão entre os presos.

Estima-se que a quadrilha atuava em Goiás, no Distrito Federal, São Paulo, Tocantins, Bahia, Mato Grosso e Paraná. De acordo com as investigações que ocorriam desde 2013, a quadrilha chegou a movimentar o montante de R$ 240 milhões em apenas oito meses.

Em dois anos a quadrilha chegou a fabricar 12 milhões de comprimidos de ecstasy para serem vendidos dentro do País. Eles compravam produtos químicos por meio de empresas regulares para a fabricação de entorpecentes, como cocaína e ecstasy. Durante a ação, a polícia apreendeu 1,4 milhão de comprimidos de ecstasy.

Material apreendido em laboratório pela PF
Material apreendido em laboratório pela PF

Comentários

Mais de Cotidiano