Cotidiano

Tia culpa o Canadá e "mundo inteiro" pela morte dos sobrinhos

Em telefonema antes da viagem, mãe das crianças teria afirmado estar preocupada com a água, pois não sabia nadar

diario da manha

Tima Kurdi afirmou que o governo canadense rejeitou o pedido de refúgio para os seus familiares. Vivendo no Canadá desde 1992, a mulher contou que por causa de um documento, que a família não tinha acesso, o governo recusou o pedido, disse em uma coletiva nesta quinta-feira (3), em sua casa.

Ao questiona-la se culpava o país pela morte dos sobrinhos e cunhada, Tima disse que sim. “Honestamente, não quero só responsabilizar o Canadá. Estou responsabilizando todo o mundo por não ajudar os refugiados o suficiente e por não parar esta guerra. E sei que podem fazê-lo. Se ninguém financiar os rebeldes, a guerra parará”, afirmou.

Hoje, sírio-canadense, Tima Kurdi contou em entrevista que pouco antes da viagem, ao conversar com a cunhada, esta teria dito que estava preocupada sobre a viagem, a mãe das crianças não sabia nadar.

Emocionada, Kurdi mostrou fotos das crianças, veja: 

aylantia2

aylantia4

Nas fotos Aylan Kurdi, de 3 anos, e o irmão, Ghaleb, de 5.

Comentários

Mais de Cotidiano

3 de julho de 2019 as 15:11

Morre Wágner Nasser