Cotidiano

Segurança em Goianésia é reforçada com instalação de câmeras de vigilância

diario da manha
O vice-governador e secretário de Segurança Pública e Administração Penitenciária, José Eliton, participou, nesta quarta-feira (30), da inauguração da Sala de Monitoramento do Projeto Cidade Digital, em Goianésia, ao lado do prefeito Jalles Fontoura e de diversas autoridades municipais, jurídicas e policiais do município.
O projeto implantado pela prefeitura visa incluir câmeras de vigilância em pontos estratégicos da cidade interligando vários órgãos públicos municipais e estaduais para garantir maior oferta de serviços à comunidade.
Assim como as câmeras, redes WiFi serão instaladas no município garantindo acessibilidade aos moradores. Já o monitoramento vai inibir ações criminosas e facilitará a elucidação de crimes.
Para o vice-governador e secretário José Eliton, investir em tecnologia da informação e a integração de esforços entre as entidades competentes “são parcerias não apenas como solução para Goianésia, mas como experiência a ser fincada em outros municípios”.
“Esse é um momento importante porque sintetiza um pouco a estratégia que esta sendo definida como investimentos na área de segurança pública”, disse se referindo as ações que estão sendo implantadas pela pasta. O vice-governador ainda lembrou que em áreas monitoradas na Capital e em outros municípios, houve queda significativa no índice de criminalidade, especialmente nos crimes patrimoniais.
Na primeira etapa do projeto, foram instaladas 20 câmeras ao longo da Avenida Goiás, um dos principais eixos da cidade, e em pontos específicos de grande fluxo de pessoas, aproveitando a logística já existente de rede de fibra ótica. Ao todo serão implantadas 55 aparelhos para melhor monitoramento.
O monitoramento será feito online a partir de dois pontos: a prefeitura e a Delegacia Regional da Polícia Civil de Goianésia. Na prefeitura será instalada a central de gravação. A sala de monitoramento na DRP funcionará ininterruptamente, com a presença de policiais civis e militares e também com apoio de servidores do Executivo municipal.
Segundo o delegado regional e coordenador da Genarc de Goianésia, Marco Antônio Zenaide Maia Junior, esse sistema atuará de forma preventiva e possibilitará diminuição em crimes, principalmente os patrimoniais. “Além disso, estaremos com mais recursos para possíveis investigações de crimes. É uma alta tecnologia que vai potencializar os serviços da PM e da polícia Civil”, afirmou o titular de Goianésia que acrescentou que o maior beneficiado com essa parceria será a população.
O prefeito Jalles Fontoura destacou as ações desenvolvidas pelo município para auxiliar no combate a criminalidade e disse que foram estabelecidos planos a curto, médio e longo prazo. Sendo que a instalação dessa Sala de Monitoramento faz parte desses projetos. Jalles citou várias parcerias com o Governo do Estado e disse que “essa parceria entre os poderes públicos pode dar rapidez nas providências de curto prazo, devolvendo assim a sensação de segurança a população”.
 
Forças Policiais
Dando continuidade aos encontros realizados com servidores da pasta em várias cidades do Estado. O vice-governador e secretário de Segurança Pública, José Eliton, acompanhado do comandante geral da PM, coronel Divino Alves, e pelo delegado-geral da Polícia Civil, delegado Álvaro Cássio, esteve no 23º Batalhão da Polícia Militar, também 15º Comando Regional de Polícia Militar (CRPM), em Goianésia. No encontro o secretário ouviu as demandas dos policiais militares e Corpo de Bombeiros, além de agentes penitenciários e policiais civis.
O comandante da PM, coronel Alves, disse que oportunidades como esta “não são ações do tipo ‘fogo de palha’”, lembrando que Eliton tem demonstrado imenso apreço à tropa goiana. “Essas ações, a demonstração de carinho e respeito, vão ficar registradas na corporação”, disse o coronel. Já o delegado-geral da Polícia Civil reforçou a fala do comandante da PM e elogiou a atuação do secretário que sempre está presente e participando do dia a dia dos colegas.
No encontro José Eliton destacou as inúmeras iniciativas da pasta para dar apoio e preservar o trabalho dos policiais que estão à frente da segurança no Estado. Falou também sobre a equalização da gratificação AC-4, dos investimentos em tecnologia da informação, entre outras demandas apontadas pelo policiais e que já foram solucionadas.
O secretário disse que a posição do governo é sempre a favor do policial que está nas ruas, que está próximo às pessoas e que enfrentam os desafios para garantir melhor segurança à população. Eliton também falou sobre a importância da integração entre as forças policias. “Temos os mesmos desafios, somos complementares e assim devemos agir”, finalizou.

Comentários

Mais de Cotidiano