Cotidiano

Falso médico veterinário é preso em Anápolis

diario da manha

Vitor Eduardo Evangelista foi encaminhado à Central de Flagrantes na manhã desta terça-feira (05/12). A acusação é de que o homem exercia a profissão de médico veterinário, de forma ilegal, na cidade de Anápolis.

Vitor foi denunciado pelo Conselho Regional de Medicina Veterinária (CRMV).

Os policiais cumpriram um mandado de busca e apreensão na casa do homem e lá apreendeu equipamentos que eram usados em cirurgias veterinárias, resultado de exames e um carimbo profissional.

Vitor Eduardo prestou depoimento à polícia e foi liberado, ele irá responder em liberdade, pelo crime de prática ilegal da profissão. Caso seja condenado pode pegar pena de até 2 anos.

As informações são do Portal 6.

Sobre o caso, a Ambient Clinic Laboratório Veterinário enviou nota com esclarecimentos ao DM. Leia abaixo na íntegra.

“NOTA DE ESCLARECIMENTO

A Ambient Clinic Laboratório Veterinário compareceu espontaneamente
na manhã desta quarta-feira, dia 06 de dezembro de 2017, à 4a Delegacia
Distrital de Polícia de Anápolis, para proferir esclarecimentos a respeito dos
laudos apreendidos junto ao falso médico veterinário.

Comprovamos que tais laudos são fraudulentos, pois não apresentam as
configurações e parâmetros utilizados pelo laboratório, além de não possuir
número do registro de exame compatível com o utilizado atualmente, número
do CRMV do Médico Requisitante e Nome da Clínica Veterinária na qual foi
realizado o atendimento e coleta do material para o exame; informações estas
que são padronizadas no procedimento interno do laboratório para liberação de
resultados.

Reforçamos que jamais atenderíamos um profissional indevidamente
registrado, pois os preceitos éticos para atender nossos clientes e respectivos
pacientes fazem parte da missão e valores da empresa, além de que nos
preocupa o imenso risco a que diversos animais são submetidos em
procedimentos realizados por indivíduos não habilitados. Colocamo-nos à
disposição de todas as autoridades envolvidas para contribuir com o
esclarecimento dos fatos. Ainda ressaltamos que os resultados de exames
entregues pelo Sr. Vitor Eduardo Evangelista aos seus clientes não foram
realizados em nosso laboratório, constituindo uma fraude.”

Comentários

Mais de Cotidiano

3 de julho de 2019 as 15:11

Morre Wágner Nasser