Cotidiano

Homem responde questionamento racista de viajante no aeroporto

diario da manha

Na última terça-feira (05/12), enquanto um homem negro esperava na fila de embarque da primeira classe de um voo, um mulher loira e branca chegou pedindo licença e disse ainda que ele estaria na fila errada. Sua reposta a este questionamento gerou aplausos de todos que estavam presentes no aeroporto.

Emmit Eclass Walker, um americano de 37 anos, relatou o ocorrido em sua página no Facebook e recebeu várias mensagens de apoio. Na postagem, o americano contou que a mulher pediu que ele deixasse os outros passageiros passarem, porque aquela fila era para embarque prioritário.

Emmit, perguntou a mulher se o embarque prioritário significava primeira. Logo em seguia ela disse que sim, afirmando também que os outros passageiros seriam chamados para embarcar depois que os passageiros da primeira classe já estivessem embarcados.

“Joguei o cartão de embarque da primeira classe com prioridade na cara dela e disse: ‘Pode relaxar, moça. Estou no lugar certo, estava aqui há mais tempo, e você pode embarcar depois de mim”, relatou Walker.

A mulher ainda não satisfeita afirmou que o empresário era “militar ou algo do tipo e que os outros haviam pago pelos lugares, então ainda assim ele deveria esperar”. Neste momento o americano impaciente lhe deu uma resposta que agradou a todos que ali estavam. “Não, sou grande demais para estar em qualquer serviço militar. Só sou um cara negro com dinheiro”.

Walker iria para o aeroporto de Miami, para fazer uma conexão para a República Dominicana, onde ia passar seu aniversário.

Confira a postagem:

Foto/Reprodução

tags:

Comentários

Mais de Cotidiano