Cotidiano

Família viaja para esquiar, não encontra neve e agência é condenada a pagar R$ 32 mil de indenização

diario da manha
(Foto reprodução)

Uma família do Distrito Federal contratou uma agência de turismo pois queria viajar para esquiar nos Alpes Italianos. Só que chegando lá, eles encontraram montanhas sem sequer um floco de neve. Depois da decepção a família decidiu processar a empresa que foi condenada a pagar R$ 32 mil para a família.

Além de devolver a metade do valor do pacote, cerca de R$ 15,7 mil, a família deve receber outros R$ 16 mil por danos morais. Os clientes pediram na Justiça um valor bem maior, R$ 138.567,33, mas foi negado.

Segundo o portal G1, o pacote contemplava, ao todo, oito pessoas. O casal, cinco filhos e uma cuidadora.

Ainda de acordo com o portal, a família disse à Justiça que ligou para o resort antes da viagem por ter ouvido noticias de que o volume de neve no local estava abaixo do normal. A equipe do estabelecimento disse que não havia problema e que poucas pistas estavam fechadas por esse motivo. Ao chegar no país, os clientes da empresa não encontraram pistas em condições de realizar o esporte.

Comentários

Mais de Cotidiano