Cotidiano

Padre Fábio de Melo ironiza “macumba” e depois se desculpa

diario da manha

O padre Fábio de Melo disse, durante um sermão, que comeria o alimento usado em ritual religioso de matrizes africanas. A celebração aconteceu na cidade Cachoeira Paulista (SP), na última terça-feira (08/04). O vídeo da pregação foi publicado no canal da Comunidade Católica Canção Nova no Youtube, onde a polêmica sobre o  caso começou.

A fala de Fábio de Melo era parte da pregação com o tema  ‘Crer na autoridade que Deus nos deu’ em que o sacerdote falou sobre a importância de crer no poder de Cristo por meio dos homens. Durante a pregação, ele ironizou e indagou os cristãos que têm medo de “macumba”.

“Com todo respeito a quem faz macumba, pode fazer, pode deixar na porta da minha casa que, se estiver fresco, a gente come” ironizou o religioso. “Você tem o poder de expulsar demônios. E você treme toda quando vê aquela galinha preta na porta da sua casa?”, completou.

Conforme informou o G1, o Padre enviou uma nota para explicar a situação e se desculpar.

No comunicado, Fábio de Melo afirmou sempre manter o respeito por todas as religiões e que não quis ofender ou desmerecer ninguém. Ele ainda pediu perdão a quem se sentiu ofendido. Por fim, assegurou que o mundo já está muito dividido e que por isso não dá para criar ainda mais divisões.

Assista:

(Foto: reprodução)

Comentários

Mais de Cotidiano