Cotidiano

PMs realizam parto de emergência dentro de carro na GO-070, em Goiânia

diario da manha

Quatro policiais militares do 1º Batalhão Rodoviário da Polícia Militar realizaram um parto de emergência dentro de um carro, no posto policial da GO-070, em Goiânia, na madrugada desta terça-feira (21/08). A grávida estava a caminho da Maternidade Nascer Cidadão com uma amiga, mas diante das dores e contrações pararam o veículo na barreira, onde os policiais fizeram o parto.

Após o nascimento da criança, os PMs levaram a mãe e o filho para o Hospital de Urgências da Região Noroeste Governador Otávio Lage de Siqueira (Hugol).

Tainara Reis Santos, a grávida, estava acompanhada de Elivania Cordeiro da Silva Almeida, sua amiga, em um Fiat Siena. Elas voltavam de dois hospitais que não atenderam Tainara. Elas tentaram atendimento no Hospital Vitta, mas não conseguiram. Posteriormente foram para o Hospital Materno Infantil e novamente não foram atendidas. Um médico as dispensou e informou que a unidade de saúde só recebia gestantes de gravidez de risco.

As mulheres decidiram ir até a Maternidade Nascer Cidadão e no meio do caminho pararam na barreira, onde aconteceu o nascimento de Enzo.

“Há mais de 23 anos na Polícia Militar eu e meus colegas nunca passamos por uma situação como essa. É uma sensação extraordinária, é um fato totalmente avesso da nossa atividade. Mas isso só demonstra que somos preparados para qualquer tipo de situação. Não temos palavras para expressar a felicidade de exercer uma profissão tão honrosa que é de salvar vidas”, contou Batista, 2º sargento da PM.

No Hugol foi constatado que a mãe e a criança estavam bem. Elas foram encaminhadas para a Maternidade Dona Iris.

“Eu passei por um susto, a gente nunca imagina passar por uma situação parecida. Eu agradeço muito o trabalho dos militares. Graças à Deus e a eles hoje eu e meu filho estamos bem”, afirmou a mãe da criança.

(Foto destaque: reprodução/Divulgação/Polícia Militar)

Comentários

Mais de Cotidiano