Cotidiano

Mais de 60% dos jovens brasileiros admitem enviar ou receber nudes, segundo pesquisa

diario da manha

Pesquisa inédita do Instituto Paraná Pesquisas aponta que os jovens entre 16 e 24 anos são os que mais mandam ou recebem os chamados nudes. Mais de 60% dos entrevistados afirmam que já receberam ou enviaram fotos e vídeos nus em redes sociais. O levantamento foi realizado em 180 municípios brasileiros.

O compartilhamento de fotos sensuais entre menores, jovens e adultos é o tema da nova série especial iniciada nesta segunda-feira e que vai ar ao longo desta semana. Depoimentos de menores de 10 a 17 anos reforçam os dados da pesquisa. “Era sobre se mostrar mesmo, porque algumas sentiam que tinha o corpo padronizado, aquele corpo bonito, e elas queriam que todo mundo visse”, disse uma adolescente.

Outro menor confirma que recebe nudes de colegas de 13, 14 e 15 anos. “De corpo inteiro e só peito”, revela. Em outro depoimento, uma adolescente diz que a foto de uma amiga de apenas 12 anos chegou até o tio. “Acho que elas pensam que isso é legal, que vai ganhar fama, tipo ser popular na escola”, diz outra menor que não manda nudes por medo.

Metodologia

O estudo foi feito em 180 municípios brasileiros entre os dias 14 e 18 de junho e revela também que a maioria dos mais de 2 mil entrevistados, o que representa 65%, vê como negativo o envio ou o recebimento de ‘nudes’.

O trabalho de levantamento de dados foi feito através de entrevistas telefônicas com habitantes com 16 anos ou mais, diferenciado o sexo, escolaridade, nível econômico e posição geográfica.

A pesquisa revela ainda que mais de 50% dos jovens entre 25 e 34 anos já mandaram ou receberam fotos e vídeos nus em redes sociais. Já 45% da população entre 35 e 44 anos também admitiram enviar ou receber ‘nudes’, seguida por 22% das pessoas entre 45 e 59 anos e 16% dos idosos de 60 anos ou mais.

tags:

Comentários

Mais de Cotidiano