Cotidiano

Homem é preso suspeito de matar mulher queimada, em Brasília

Suspeito estava embaixo de uma árvore e questionou a polícia se ela estava lá por conta de Rosinha.

diario da manha
Foto: Reprodução

Um homem foi preso em flagrante na tarde desta terça-feira (16/7) pela Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF), suspeito de matar uma mulher queimada na madrugada de hoje, no Recanto das Emas, em Brasília.

De acordo com as informações da PMDF, na manhã de hoje, populares procuraram uma viatura da corporação para informar sobre um corpo carbonizado no conjunto 32, quadra 803, próximo a um lixão da cidade. A equipe se deslocou até o local informado e encontrou o corpo completamente carbonizado, impossibilitando identificar o sexo da vítima.

A equipe policial então fez o isolamento da área, e começou a levantar informações com moradores da região para poder identificar a vítima e o autor do crime. Entretanto, a presença de um homem em baixo de uma árvore na região em que o corpo foi encontrado, chamou a atenção dos policiais.

Os PMs então se dirigiram até o rapaz e questionaram se ele havia visto alguma coisa, o homem respondeu aos policiais que não tinha visto nada, e que passou a noite bebendo cerveja de uma marca pouco conhecida, na sua residência.

Suspeito de matar mulher queimada perguntou aos policiais se eles estavam lá por causa dela

O suspeito então questionou se os policiais estariam no local, por conta de uma mulher identificada como “Rosinha”, que morava no barracão ao lado. A Polícia acompanhada do morador foi até a residência dele, e na casa encontrou uma poça de sangue, pedaços de garrafa de bebida quebrada, e uma delas da tampa amarela e da marca informada pelo suspeito. Além das garrafas, dentro da casa foram encontradas marcas que mostram que a vítima foi arrastada até onde o corpo foi encontrado.

Durante as buscas pela casa do suspeito foi encontrado um galão de plástico com uma pequena quantidade de combustível dentro. Os policiais voltaram a questionar o rapaz por Rosinha, e ele informou que dos dois nunca tiveram um relacionamento amoroso, mas que já haviam se desentendido por conta de uma bicicleta e de um botijão de gás.

Diante da cena do crime e do que foi encontrado na casa do rapaz, o mesmo foi preso em flagrante e encaminhado para a Delegacia para prestar depoimento sobre o caso. A vítima foi identificada como Rosilma dos Santos Oliveira, de 45 anos.

Comentários

Mais de Cotidiano