Cotidiano

Corpo de Bombeiros junta esforços para que fogo não aumente no Parque das Emas

Até agora mais de 30 mil hectaes foram atingidos pelo incêndio

diario da manha
Foto: Corpo de Bombeiros Militar de Goiás

No dia 10 de julho, o Corpo de Bombeiros Militar do Estado de Goiás (CBMGO) foi acionado para combater um incêndio que teve início na construção de um aceiro e atingiu o Parque Nacional das Emas.

A Operação Cerrado Vivo mobilizou um efetivo de 15 especialistas que combatem o fogo desde a madrugada do dia 11. São 31 bombeiros da CBMGO, 15 do Corpo de Bombeiros Militar do Mato Grosso do Sul (CBMMS) e 51 brigadistas do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio). Até o dia 12, foram utilizados mais de 30 mil litros de água.

Até o momento, o incêndio já atingiu mais de 30 mil hectares. Eram quatro frentes principais no incêndio, duas foram controladas com o auxílio de caminhões pipa de fazendeiros da região em conjunto com a Força Tarefa Especializada (FTE), com bombeiros do Mato Grosso do Sul.

Agora o ICMBio, CMBGO e CBMMS centralizam suas ações para combater focos isolados próximos ao Rio Formoso para impedir que o fogo atravesse um aceiro negro e alcance a região leste do parque, além de estarem realizando monitoramento das áreas já destruídas para que o fogo não ganhe força novamente.

Leia também

Comentários