Brasil

Crise Hídrica deixa moradores de Cristais Paulista sem água

Além de ficarem sem água das 21h às 8h, os moradores também terão que ficar com as torneiras secas das 12h às 17h.

diario da manha
Foto: Prefeitura de Cristais Paulista

A partir desta terça feira (14) um novo racionamento de água começa a valer em Cristais Paulista, São Paulo. A Prefeitura da cidade vai amplia o racionamento de água, devido à crise hídrica. Agora, além de ficarem sem água das 21h às 8h, os moradores também terão que ficar com as torneiras secas das 12h às 17h.

De acordo com a administração, o nível da represa se aproxima do ponto mais crítico e a falta de água no município. A situação se agravou mesmo com o corte noturno do fornecimento do recurso à população.

Além disso, no ultimo sábado (11) e domingo (12), um incêndio atingiu a estação de tratamento de água da cidade e prejudicou o abastecimento aos moradores. As chamas começaram a se alastrar por uma mata próxima à estação e ao prédio que realiza o tratamento.

Além de postes e fiação elétrica, as bombas que levam água tratada aos moradores foram danificadas. As causas e o responsável pelo incêndio não foram identificados.

Em nota a prefeitura do município ressaltou: “A medida ainda não coloca o município na fase vermelha do Plano Municipal de Abastecimento que prevê corte no abastecimento durante 20 horas por dia, mas a cidade se aproxima disso”.

Segundo a Prefeitura, técnicos da Companhia Paulista de Força e Luz (CPFL) e eletricistas trabalharam durante a noite de domingo e a madrugada de segunda-feira (13) para que a parte elétrica danificada pelas chamas fosse recuperada. A estação de tratamento foi religada e as bombas que distribuem a água já voltaram a funcionar.

Com dados do G1*

Leia Também

Comentários