Cotidiano

Justiça determina o pagamento por danos morais após bebês serem trocados em hospital público no DF

Após seis anos, família descobre que a filha foi trocada na maternidade

diario da manha
Foto/Reprodução

Em agosto deste ano, o Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios (TJDFT), estabeleceu que o Hospital Regional de Planaltina, fizesse o pagamento de R$ 300 mil a título de danos morais, pela troca de bebês na maternidade do hospital.

Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) informou que, há seis anos atrás, Geruza Fernandes Ferreira, 38 anos, teve uma filha na unidade. Após desconfiar, a mulher afirmou que fez um teste de DNA, que comprovou que a criança não é filha biológica dela.

O inquérito está sob sigiloso e a vara de família de Planaltina encaminhou o caso aos investigadores via ofício. A Secretaria de Saúde explicou que “está à disposição da Justiça para os devidos esclarecimentos”.

Leia Também

Comentários