Cotidiano

Várias capitais cancelam festas de réveillon; Goiânia ainda não têm definição

Cancelamento das festas se dá pelo motivo de nem toda a população estar imunizada e a confirmação de casos da variante ômicron no Brasil

diario da manha

Por conta da presença da covid-19 e dos novos casos da variante ômicron confirmados no Brasil, prefeituras de várias capitais ao redos do país cancelaram total ou parcialmente as festas de réveillon.

Aracaju, Belém, Brasília, Campo Grande, Cuiabá, Florianópolis, Fortaleza, João Pessoa, Maceió, Manaus, Natal, Palmas, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro, Salvador, São Paulo, São Luís e Vitória são as cidades que não promoverão eventos que aglomeram pessoas num mesmo espaço.

Florianópolis e Recife manterão os fogos de artifício, mas sem shows para que não haja avanço dos casos da covid-19.

A prefeitura de Goiânia ainda não informou se haverá ou não o evento na capital.

Este será o segundo réveillon consecutivo sem eventos por conta da pandemia de covid-19, que já causou mais de 615 mil mortes no país. A virada de 2020 para 2021 foi marcada pelo sentimento de este ano as coisas fossem melhorar, porém, mesmo com a vacina, nem toda a população foi totalmente imunizada.

A presença de um vírus contagioso ainda é motivo de preocupação para as secretarias de saúde, que preferem que a população não se aglomere, principalmente no momento em que uma nova variante, que possui consequências ainda desconhecidas, surgiu enquanto a situação parecia dar uma trégua.

Leia também

Comentários