Cultura

Saúde e qualidade de vida – Yoga 51

“A alma experimenta infância, maturidade e velhice num mesmo corpo .” Krishna in Bhagavad Gita - III – 13

diario da manha

Elzi Nascimento e Elzita Melo Quinta

 

Parto Humanizado

Como é visto pelo Yoga o parto humanizado? É o que pergunta o leitor. Num primeiro foco é preciso entender o significado e o sentido de humanizar. Humanizar significa entender que o foco dos serviços da maternidade é a atenção centrada na natureza da mulher e do bebê. É a compreensão profunda de que dar à luz é um sentimento maravilhoso, mas também é um momento de inúmeras mudanças, transformações físicas, metabólicas, emocionais e conceituais que acontecem durante o período de gestação e a chegada do bebê.

Yoga Pré-natal

O Yoga pré-natal é uma alternativa que combina técnicas e sensibilização com o propósito exclusivo de minimizar desconfortos e auxiliar na mudanças que surgem com a gravidez. Tudo culminando no preparo para um parto tranquilo, consciente, natural. Neste foco estarão presentes os cuidados que levam a administrar o estresse próprio da gestação. Saúde e qualidade de vida são fatores decorrentes deste preparo para o parto humanizado onde a calma, a relaxação e o bem estar são decorrências naturais de um trabalho profundamente vivencial e conscientizador. Harmonia é a tônica que orienta a interrelação entre a mãe e o bebê. Um processo de conhecimento e autoconhecimento gerador de autoconfiança e autoestima que influencia a gestante e o seu rebento. É indicado que o obstetra, que acompanha o processo gestacional, seja informado sobre o trabalho da gestante no Yoga. Esta integração visa não somente o preparo perinatal, mas também um pós-parto consciente e natural.

 

Conciência

O trabalho do Yoga com a gestante permite que a consciência e os cuidados com o corpo, as emoções e a mente, de forma integral,  a preparem, de forma descontraída e natural, para o parto. As técnicas yogues atuam sobre a atitude postural, a respiração  a meditação auxiliam a mulher a entrar em contato não apenas com o próprio corpo, mas com o instinto maternal. Isto significa perceber e deixar aflorar as indicações seguras para agir de acordo com este estágio especialíssimo, que é a maternidade, onde o amor de mãe se aproxima do amor de Deus.

Imagem2

OM SHANTI!

 

Elzi Nascimento, psicóloga clínica, e Elzita Melo Quinta, pedagoga especialista em Educação, são professoras de Yoga, escritoras e pesquisadoras. Vida Saudável atende ao questionamento dos leitores do DMRevista sobre os temas abordados.

Contatos: [email protected]/ [email protected] – (62) 3251-8867 / 7815-8515

Comentários

Mais de Cultura

26 de junho de 2019 as 14:42

Sol em Câncer e a cura emocional

14 de junho de 2019 as 19:24

GIRO PELA FIEG

12 de junho de 2019 as 08:50

Quíron, o segredo da cura

11 de junho de 2019 as 08:36

Questão Social: Um breve olhar

7 de junho de 2019 as 08:46

Astrologia; seja bem-vindo, junho!

30 de maio de 2019 as 08:46

Alego promove seminário de Turismo

28 de maio de 2019 as 09:17

Festa junina no Goiânia 2

16 de maio de 2019 as 11:29

Vênus entra em Touro