Cultura

Infância Erudita: Pequenos grandes músicos goianos

Projeto Músicos Brasileiros pelo Mundo, tem ápice no Concerto de Gala com doze crianças no Carnegie Hall, em Nova Yorke Projeto Músicos Brasileiros pelo Mundo tem ápice no Concerto de Gala com doze crianças no Carnegie Hall, em Nova York, nos Estados Unidos

diario da manha

De Goiânia para o mundo, literalmente, jovens e talentosos músicos locais passaram pelos grandes palácios da música clássica ao redor do globo. A pianista Ericka Vilela é a professora que criou esse projeto, que além de capacitar os novos talentos da música erudita, promove a oportunidade dessas crianças viverem experiências únicas pelas capitais mundiais.

Amanhã (10), mais uma vez esses pequenos Mozart’s contemporâneos apresentam um concerto de Piano no Carnegie Hall, em Nova York, através da Lei Goyazes. O espetáculo que está previsto para as 19:30 da noite no horário norte-americano, onde doze crianças e adolescentes, além de quatro pianistas e professores do estúdio, vão tocar.

A tutora

O Estúdio Ericka Vilela é um centro especializado em piano, localizado em Goiânia, há 23 anos sob a direção e coordenação da professora e pianista Ericka Vilela, que tem 43 anos e é natural de Goiânia. Durante esse tempo, tem-se formado músicos consagrados nacional e internacionalmente. Com mais de 200 prêmios em concursos de piano, o estúdio possui alunos graduados e mestres em piano espalhados pelo mundo em grandes centros como a E’cole de Musique de Paris.

Tendo como foco o indivíduo, o estúdio oferece uma educação musical muito além do piano, onde o aluno transcende a programação de suas aulas teóricas e de história da música conquistando grandes conceitos para sua vida como: o controle do tempo, a disciplina, concentração e a confiança em si mesmo. Talvez, a explicação para que crianças de seis anos, sentirem total confiança de tocar em frente a um sofisticado público.

unnamed (2)

Em julho de 2012, o Estúdio Ericka Vilela inaugurou um audacioso trabalho: “Projeto Músicos Goianos pelo Mundo” que consiste na divulgação da Música Clássica Brasileira através de estudantes de piano e pianistas já consagrados dirigidos e coordenados pela pianista Ericka Vilela e o corpo docente do Estúdio. A primeira Turnê Internacional ocorreu na Áustria, onde o Estúdio tocou em dois grandes centros históricos: o Palácio de Schönbrunn, em Viena, e o Palácio de Frohnburg em Salzburgo, cidade natal do inigualável gênio Wolfgang Amadeus Mozart.

Em julho de 2013, o estúdio realizou, pela segunda vez, seu projeto com a Turnê Itália, tocando em três grandes centros históricos: o Palácio de Pamphilj e a Sala Baldini em Roma e o Auditório da Escola de Música de Milão. Ainda em 2013, a Pianista Ericka Vilela recebeu o Convite do Governo Tunisiano para representar o Brasil em dois festivais internacionais de música clássica no Norte da África: “Festival Internacional de Hammamet” e “28º Festival Internacional de Música Sinfônica de El Jam”.

TELEVISÃO

Durante a Temporada Musical de 2014, o Estúdio realizou a Turnê Espanha apresentando dois concertos em Madrid e Barcelona no Espacio Ronda e na Sala Alicia de Larrocha (LÁuditori). Nesta turnê o Estúdio gravou para um programa da televisão de Madri veiculado em mais de 150 países e deu entrevista para a rádio de Barcelona.

A Turnê Estados Unidos 2015 já é a 5ª Edição do “Projeto Músicos Brasileiros pelo Mundo”, também coordenado por Ericka, e tem, como auge, o Concerto de Gala no Carnegie Hall, em Nova York. Neste concerto, 12 estudantes de piano de 6 a 14 anos de idade se apresentam na primeira parte:

  • Helena Carrijo de 6 anos
  • Heitor Carrijo de 8 anos
  • Ana Clara Cruvinel de 8 anos
  • Rafael Rezende de 8 anos
  • Mariana Daia de 9 anos
  • Helena Costa de 9 anos
  • Maria Eduarda de 11 anos
  • Letícia Rezende de 11 anos
  • Vitória Kanjo de 11 anos
  • Gabriela Bessa de 12 anos
  • Luísa Bueno de 13 anos
  • João Pedro Carrijo de 14 anos

E para a segunda parte serão quatro pianistas goianos e professores do Estúdio Ericka Vilela :

  • Hevelin Albernaz
  • Everton Marin
  • Laura Umbelino
  • Ericka Vilela.

Para o próximo ano, o estúdio já trabalha a 6ª Edição do “Projeto Músicos Goianos pelo Mundo” que tem como destino a Turnê França.

DM Revista – Como é lecionar clássicos para crianças?

Ericka Vilela — Ensinar música clássica não deixa de se um grande desafio, pois não faz parte da nossa cultura, principalmente porque, além de tudo, estamos num Estado do Brasil onde o agronegócio é bastante intenso. Mas que bom que hoje posso dizer que também somos excelência em música clássica.

Minha formação pianística veio com a Belkiss Spenciere Carneiro de Mendonça. Tive a grande oportunidade de estudar esta grande pianista durante 15 anos, foi ela quem fundou a Escola de Música de Goiás, inclusive se hoje temos o curso de Piano na UFG é graças a ela que com o grande Maestro Heitor Villa-Lobos fundou esta escola. Depois, fui aluna do grande maestro e compositor Camargo Guarnieri e, por isso, também que no programa do Carnegie há tantas composições dele.

Apesar de não dar aulas de piano só para crianças eu adoro lecionar para elas. Elas aprendem rápido e são mais abertas para as grandes idéias. De fato, para realizar as nossa turnês, elas devem estudar no mínimo duas horas de piano por dia. Isto passa a ser um problema quando não há ajuda e apoio em casa. Os pais são imprescindíveis, devem agir como parceiros e assistir a maioria das minhas aulas. Fazemos muitas audições, nas últimas semanas são todos os dias! Nestas oportunidades, eu dou notas e falo para todos em conjunto. As audições são aulas onde todos tocam e eu vou falando os erros e acertos de cada pianista. Todos aprendem com as performances uns dos outros. Ao final, eu dou as notas e as crianças adoram estudar para ganhar notas e pontuações melhores!

DM Revista – Quando e como começou o projeto pela Lei Goyases?

— A primeira turnê aconteceu, em julho de 2012, na Áustria quando tocamos no Palácio de Schonbrunn, em Viena, e nesta eu tive a grande honra de ser acompanhada pelo então secretário de Assuntos Internacionais, o sr. Elie Chidiac, que me acompanhou inclusive numa agenda realizada pelo governo do Estado de Goiás. Tivemos a visita à Embaixada do Brasil, o embaixador nos recebeu e esteve presente no Concerto no Palácio que para muitos é o mas incrível da Europa. Depois, seguimos para a Salzburgo onde tocamos em pleno Festival do Mozarteum e no nosso Concerto esteve presente críticos de música clássica. Lá tocamos no Palácio Fronhburg.

DM Revista – Qual dica você daria para as crianças, jovens ou adultos que têm interesse na música, mas nunca tocaram?

— Penso que a boa música é para todos! Muitas pessoas acreditam que não gostam de música clássica, mas eu sei que é por falta de oportunidade! Não há como não gostar do que é bom e tem valor, é preciso ter uma maior difusão deste tipo de música! Na Europa, ela é ensinada nas escolas, em todas as cidades da Alemanha existem orquestras. Faz parte da vida das pessoas! Este tipo de música com certeza eleva a cultura e a postura das pessoas! O mundo está precisando disto.

infancia2

 

Ana Clara, de oito anos, começou a tocar piano ainda com 5 anos e, desde então, não parou mais. Ela ama tocar, ganhou seu primeiro Concurso Nacional de piano no ano passado no Concurso Souza Lima, em São Paulo, onde ficou em 1º lugar. Já Participou de vários recitais em Goiânia além de uma turnê internacional no ano passado com o Estúdio de Piano Éricka Vilela, passando na Espanha onde se apresentou em Madri e Barcelona. Agora está participando de sua segunda Turnê, que começa amanhã (10), no Carnegie Hall, em New York. Entre as preferências da garota estão Heitor Villa-Lobos, Francisco Mignone e Heller.

Comentários

Mais de Cultura

26 de junho de 2019 as 14:42

Sol em Câncer e a cura emocional

14 de junho de 2019 as 19:24

GIRO PELA FIEG

12 de junho de 2019 as 08:50

Quíron, o segredo da cura

11 de junho de 2019 as 08:36

Questão Social: Um breve olhar

7 de junho de 2019 as 08:46

Astrologia; seja bem-vindo, junho!

30 de maio de 2019 as 08:46

Alego promove seminário de Turismo

28 de maio de 2019 as 09:17

Festa junina no Goiânia 2

16 de maio de 2019 as 11:29

Vênus entra em Touro