Cultura

Cantora goiana tem disco que concorre ao Grammy 2019

Álbum da goiana Andreya Vieira une o melhor da MPB com voz suave aos ouvidos

diario da manha
Foto: Divulgação

“Pra Que Não Quebre”, álbum da cantora goiana Andreya Vieira que concorre ao Grammy Latino, é um disco que transborda delicada da primeira à última música, e isso com toda certeza é o grande triunfo de seu trabalho.

Com uma pegada que lembra os principais nomes da Música Popular Brasileira (MPB), a artista é taxativa sobre a qualidade sonora do álbum, e diz que ficou trancada no estúdio ouvindo música até chegar à fórmula perfeita. E, se ela não conseguiu atingi-la, chegou bem perto. 

Fã de bossa nova, o instrumental rarefeito do disco dá bem o tom que permeia todas as faixas, mas é extremamente difícil o álbum ser categorizado na caixinha de qual gênero ele pertence numa época em que os artistas misturam tudo.

Não é propriamente MPB nua e crua, nem exatamente o rock que a gente vê por aí, muito menos a mistura desses dois que é feito nele. “Por Que Não Quebre” parece uma trilha sonora de um algum acontecimento que rolou na década de 1970. 

Despregados das melodias, seus versos contam histórias, defendem convicções e transpiram poesia por todos os poros musicais. Também sobrou espaços no trabalho para Andreya fazer releituras de artistas consagrados, como Roberto Carlos (detentor da alcunha de ‘rei’ por conta do grandioso sucesso fonográfico).

Antes de mais nada, Andreya respira arte, e não tenha dúvida de que sua música possui a grandiosidade necessária para concorrer ao Grammy. 

Por tudo isso que você leu na página anterior e acompanhou até aqui, o trabalho da artista goiana merece estar ao lado de medalhões da indústria cultural, e se ela não conseguir faturar o prêmio, nem tudo estará perdido: a chamada MPB goiana teve inserção no ‘Oscar da Música’.

Se a missão da crítica é contextualizar a música para os interessados ouvi-la com mais propriedade, falar de “Pra Que Não Quebre” inclui uma viagem no tempo, nos anos 60 e 70. 

Escutar o disco “Pra Que Não Quebre” é uma experiência sonora altamente agradável e lindamente interessante. Afinal, a música tem o poder de nos levar para outros universos, e isso a cantora Andreya Vieira conseguiu realizar com destreza delicada e linda.

A música goiana, com o perdão do bairrismo, estará bem representada no rol dos grandes nomes da música latina no Grammy. O som de Andreya é lindo!

Ficha técnica

“Pra Que Não Quebre”

Gênero: MPB

Ano: 2019

Duração: 42 minutos

Disponível nas plataformas de streaming 

Comentários

Mais de Cultura

26 de junho de 2019 as 14:42

Sol em Câncer e a cura emocional

14 de junho de 2019 as 19:24

GIRO PELA FIEG

12 de junho de 2019 as 08:50

Quíron, o segredo da cura

11 de junho de 2019 as 08:36

Questão Social: Um breve olhar

7 de junho de 2019 as 08:46

Astrologia; seja bem-vindo, junho!

30 de maio de 2019 as 08:46

Alego promove seminário de Turismo

28 de maio de 2019 as 09:17

Festa junina no Goiânia 2

16 de maio de 2019 as 11:29

Vênus entra em Touro