DM Autos

Ford revela o EcoSport sem estepe e antecipa novidades para o Salão do Automóvel

diario da manha

Norton Luiz
Editor de Veículos

O Ford EcoSport sem o estepe é uma das novidades que a Ford vai apresentar no Salão do Automóvel de São Paulo, de 8 a 18 de novembro próximo. O SUV não terá literalmente o estepe na versão Titanium criada especialmente para consumidores que preferirem o carro sem esse item na tampa traseira. Na Europa o EcoSport já roda sem o estepe na tampa. Por aqui, o SUV deve ser lançado em 2019.

A Ford tirou o estepe, mas apresentou a solução que julga ser eficiente, ao equipar seu SUV compacto com pneus Run Flat. Não precisa se preocupar. As explicações sobre pneus Run Flat estão nos dois parágrafos a seguir.

Lyle Watters apresentando o EcoSport Titanium sem o estepe traseiro

Pneus Run Flat podem rodar totalmente vazios até 80 km de distância a uma velocidade de até 80 km/h, dependendo do modelo, sem perder a dirigibilidade. A Ford informou que a distância que pode ser percorrido com os pneus sem pressão podem chegar a 200 km com uso do kit.

Os pneus run flat têm paredes laterais reforçadas para suportar o peso do carro, mesmo que estejam sem ar. São compatíveis com rodas convencionais e garantem uma condução segura do veículo no caso de rasgo ou furo do pneu”.

Esses pneus podem rodar totalmente vazios, por aproximadamente 80 quilômetros de distância e a uma velocidade de até 80 km/h (dependendo do modelo), preservando a dirigibilidade. “Os pneus run flat têm paredes laterais reforçadas para suportar o peso do carro, mesmo que estejam sem ar. São compatíveis com rodas convencionais e garantem uma condução segura do veículo no caso de rasgo ou furo do pneu.

Outras novidades

No encontro com jornalistas especializados na última terça-feira, em São Paulo, a Ford antecipou também outras surpresas reservadas a feira de São Paulo. A mostra terá desde lançamentos que já receberam sinal verde para estrear no mercado, como o Edge ST, e conceitos destinados a testar a receptividade dos consumidores, caso do SUV Territory, do Ka Urban Warrior e das Ranger Storm e Black, apontando as tendências futuras da marca.

Ford Ranger Storm

“Os veículos e tecnologias que estamos trazendo para o Salão de São Paulo refletem o grande momento de transformação da Ford”, disse Lyle Watters, presidente da Ford América do Sul. “Eles são um exemplo da inovação que estamos buscando em todas as áreas para responder aos desafios atuais e futuros da mobilidade, criando soluções sempre com foco centrado no consumidor.”

SUVs e esportivos

Os SUVs dão a tônica na exposição da Ford, com três grandes atrações. O novo Edge ST, primeiro carro a trazer para o Brasil a grife “Sport Technologies” de carros de alto desempenho da Ford, chega ao mercado logo após o salão. Por sua vez, o Territory, novo SUV médio global repleto de tecnologia, desenvolvido na China, desembarca no salão como conceito.

Ford Edge ST
Ford Territory

A mostra da Ford inclui também conceitos desenvolvidos como exercício de design para medir a reação dos consumidores com relação a diferentes propostas. O Ka Urban Warrior é um deles, com acessórios que dão ao Ka Sedan uma roupagem esportiva de inspiração aventureira.

Ford Ranger Black

A picape Ranger traz duas propostas de personalização, criadas a partir de modelos diesel com cabine dupla. A Ranger Storm exibe pintura exclusiva em duas cores e elementos que reforçam a musculatura da carroceria. A Ranger Black, como diz o nome, tem a cor preta como tema, criando um visual ousado e moderno.

Inovação em mobilidade

A Ford apresentou também uma inovação tecnológica. É o Tapete de Acessibilidade, protótipo desenvolvido para levar mais mobilidade e independência aos cadeirantes. Basicamente, ele transforma o tapete do porta-malas do EcoSport em uma rampa portátil que ajuda a cadeira de rodas a vencer obstáculos no seu deslocamento.

Ford Ka Urban Warrior

 

Comentários

Mais de DM Autos