DM Autos

Mitsubishi, Suzuki e Chery anunciam fabricação de novos modelos em Goiás

diario da manha

Norton Luiz
Editor de Veículos

As originariamente japonesas Mitsubishi e Suzuki e a chinesa Chery anunciaram a produção de novos veículos em suas plantas goianas instaladas em Catalão e Anápolis.

A informação foi dada nas coletivas de imprensa das marcas na 30ª edição do Salão do Automóvel de São Paulo, que abre suas portas ao público nesta quinta-feira, dia 8, no São Paulo São Expo. Serão produzidos cinco novos SUVs a partir de 2019 e um sexto modelo também SUV, de porte grande, pode nascer com identidade goiana.

SUV Eclipse Cross

A Mitsubishi confirmou que a partir do segundo semestre do próximo ano produzirá em Catalão o Eclipse Cross, SUV recém-lançado no mercado, mas que começa a ser comercializado neste mês de dezembro. Até o início do processo de produção o modelo continuará sendo importado do Japão.

A marca vai investir R$ 300 milhões para produzir seu novo utilitário esportivo, que chama a atenção pelo perfil coupé, com linhas bastante modernas, e pelo pacote de tecnologia que disponibiliza.

O Eclipse Cross é equipado com motor 1.5 Turbo, a gasolina, de 165 cv de potência, e 25,5 kgfm de torque. Ele chega ao mercado para concorrer diretamente com o Jeep Compass, New Tucson, Kia Sportage, Audi Q3, Mercedes GLA e BMW X1.

SUV Pajero Sport

Na coletiva de imprensa da Mitsubishi, a marca apresentou a nova geração do SUV de porte grande Mitsubishi Pajero Sport, que chega ao mercado no começo de 2019 por R$ 259.990.

O novo Pajero Sport traz motor 2.4 turbodiesel, de 190 cv de potência, e transmissão automática de oito velocidades, além de um recheado pacote de itens de segurança e conforto, como 11 airbags, controle de tração e estabilidade, dentre outros. O modelo já está com pré-venda aberta.

SUV Pajero Sport

O novo Pajero Sport pode também ser produzido na fábrica de Catalão, no interior de Goiás. O Presidente da Mitsubishi, Robert Rittcher, disse que as negociações com os japoneses da matriz da montadora estão bem adiantadas para que o Pajero Sport, que vem da Tailândia, passe a ser produzido na planta goiana.

O modelo será o sexto SUV fabricado em terras goianas. Em Catalão são fabricados hoje os modelos ASX, Lancer e a picape L200.

Suzuki Jimny Sierra

Outro SUV que deve ser produzido em Goiás é o da nova geração do Suzuki Jimny, o Sierra. O compacto de espírito aventureiro foi apresentado no Salão do Automóvel de São Paulo, e com previsão de lançamento no Brasil para o segundo semestre de 2019.

Inicialmente, virá do Japão e depois começa a ser fabricado em Catalão. O Jimny Sierra ficará em média 20% mais caro do que a atual geração, vendida entre R$ 70 e 80 mil, nas versões Jimny 4Work, Jimny 4All, Jimny 4Work Off Road e Jimny 4Sport.

O Jimny é equipado com motor 1.5 aspirado, que rende 108 cv e 13,2 kgfm de torque. Outra novidade é a opção de câmbio automático de quatro marchas, junto com a manual de cinco marchas.

Entre os itens disponíveis estão os controles de tração e estabilidade, assistente de partida em rampas, assistente de descida, multimídia JBL com espelhamento de smartphones e ar-condicionado automático. Serão três versões, uma manual e duas automáticas. As vendas começam no segundo semestre de 2019.

Salão SP: Suzuki

O S-Cross também tem leves mudanças, agora com teto-solar duplo, faróis de LEDs e multimídia com 9″, mantendo o motor 1.4 turbo de 146 cv e 23,5 kgfm de torque com câmbio automático de seis marchas.

O mesmo acontece com o Vitara, que mudou para-choques, faróis e lanternas (agora em LEDs) e grade dianteira, além de novas rodas de 17″, novo painel de instrumentos colorido e opção de teto-solar. Os motores são o 1.4T e o 1.6 aspirado, ambos com câmbio automático de seis marchas.

Fotos: Donizetti Castilho

Galeria: Salão de SP: Suzuki Jimny Sierra, Vitara e S-Cross

Suzuki Jimny Sierra

Chery

A nova marca CAOAChery, por sua vez, confirmou através do seu CEO Márcio Alfonso, a produção de três novos SUVs na planta de Anápolis. Um deles é o aventureiro Tiggo 5X, o outro é o Tiggo 7 e o terceiro será o Tiggo 8, este de sete lugares e que chega para figurar no topo da linha da CAOAChery no Brasil. O Tiggo 5X e o Tiggo 7 serão equipados com motor 1.5 Turbo, flex, de 147 cv de potência.

Chery Tiggo 5X

O primeiro deverá custar entre 5$ 80 e 90 mil e o segundo na casados R4 100 e 110 conforme especulações circulados durante a coletiva da marca no Salão do Automóvel de São Paulo. Os SUVs Tiggo 5X e Tiggo 7 chegarão ao mercado nos próximos meses. O 5X começa a ser vendido em dezembro, enquanto o Tiggo 7 em janeiro.

Chery Tiggo 7

Comentários