Economia

Vilmar Rocha discute plano de logística com empresários

Da Redação

diario da manha

 

 

A convite da Associação Comercial e Industrial de Anápolis (Acia), o secretário de Cidades, Infraestrutura e Meio Ambiente, Vilmar Rocha, esteve ontem na cidade para debater e apresentar aos empresários detalhes do Plano Estadual de Logística. Na reunião, diretores da Acia, convidados pelo presidente Anastacios Apostolos Dagios, puderam conhecer e questionar pontos do plano que vem sendo desenvolvido pela Secima.

“O Plano Estadual de Logística está sendo elaborado e estamos mantendo um diálogo muito forte com as lideranças empresariais, políticas e sociais de Anápolis porque a cidade terá um papel fundamental”, explicou Vilmar Rocha. Segundo o secretário, Anápolis está se consolidando como um dos principais polos logísticos do Centro-Oeste e do Brasil e o governo de Goiás tem trabalhado forte no sentido de estruturar ainda mais a cidade. “O governador Marconi Perillo reconhece a importância econômica da cidade e o governo tem feito grandes investimentos aqui, a exemplo do aeroporto de cargas, do Centro de Convenções e de melhorias no Daia”, afirmou o secretário.

Na Acia, Vilmar Rocha explicou que a Secima está contratando duas empresas especializadas em Logística para dar uma consultoria na elaboração deste planejamento. “O plano será um estudo que vai nos dar referências, diretrizes e balizamentos para consolidarmos o que já está em andamento e indicar novas possibilidades e iniciativas que precisem de investimentos”, esclareceu. Para ilustrar, o secretário mencionou a necessidade de expansão do Distrito Agroindustrial de Anápolis (Daia), a conclusão do aeroporto de cargas, a implantação da plataforma logística, melhorias na BR-060 e BR-153, a conclusão da Ferrovia Norte-Sul e até mesmo a implantação de um trem de passageiros entre Goiânia, Anápolis e Brasília. “Estes são alguns pontos que já identificamos, mas é preciso avançar ainda mais e também em outras regiões do Estado”, disse Vilmar Rocha.

 

Demandas

Os empresários anapolinos também aproveitaram a reunião para apresentar uma série de demandas ao secretário. Entre elas, uma maior agilização nos processos de licenciamento ambiental para indústrias que queiram se instalar no município e ainda providências para acabar com o mau cheiro provocado pela Estação de Tratamento de Esgoto do Daia. “Eu não sabia dessa questão do mau cheiro. Vou solicitar que uma equipe técnica da Secima faça uma visita ao local para identificarmos as causas e tomarmos as medidas necessárias”, garantiu o secretário. “Em relação às licenças, precisamos identificar o que é responsabilidade da prefeitura e o que é do Estado. A partir daí, pedirei uma maior agilidade na liberação, desde que sejam atendidas as normas legais”, completou.

Vilmar Rocha aproveitou a oportunidade para também anunciar uma boa notícia aos diretores da Acia: este mês foi aprovada a lei que permite ao Estado doar uma área de 5 mil metros quadrados para construção da nova sede da associação. “Essa é uma excelente notícia. Em breve, o governador Marconi Perillo virá a Anápolis para assinar a escritura definitiva e passar a área para a Acia”, concluiu.

Comentários

Mais de Economia