Economia

Festa do Tomate já em articulação

Da assessoria

diario da manha

A tradicional Festa do Tomate em Goianápolis já é articulada por um comitê gestor. A promoção ocorrerá no período de 21 a 26 de julho. O espaço para o evento foi discutido ontem com o prefeito Jeová Leite Cardoso, que se prontificou com o êxito do evento. Mantendo a tradição, haverá a escolha em concurso da Rainha do Tomate 2015. Esse evento está previsto para o dia 22 de julho.

Além de festas, serão realizadas palestras envolvendo a Emater, a Agrodefesa, o Ministério Público e a Prefeitura do Município. Questões com o uso indiscriminado de agrotóxicos, recursos hídricos, segurança alimentar constarão da agenda de debates na cidade, a cerca de 20 quilômetros de Goiânia.

A cidade de Goianápolis fica no eixo Goiânia – Anápolis, através da BR-153 e tornou-se bastante conhecida no País por ser a terra natal de Leandro e Leonardo. O primeiro,  já falecido. Na festa os dois irmãos são lembrados pela sua história de catadores de tomate e o posterior sucesso na música sertaneja. O evento é realizado pela prefeitura municipal com o apoio, entre outros, da Emater.

A população do município é estimada em 12 mil pessoas e fica a 31 quilômetros de Goiânia. A renda per capita do município é de R$4.562,45, segundo dados do IBGE. O município tem o tomate salada como esteio em sua economia. A produção de tomate no município já foi de mais de 20 mil toneladas. Hoje, fica abaixo de cinco mil toneladas anuais, conforme dados da Segplan/Sieg.

A área ocupada com a tomaticultura também sofreu brusca queda. De 300 hectares em 2000 para cerca de 100 nos últimos cinco anos. A colheita é praticada de forma manual e os frutos são depositados em caixas de plástico. A perda é estimada em 30% pela Agência Goiana de Assistência Técnica, Extensão Rural e Pesquisa Agropecuária (Emater), que presta assistência aos produtores. (Assessoria de Imprensa da Emater).

 

Comentários

Mais de Economia