Economia

Aparecida sai na frente e pode ser a sede do Guaraná Mineiro em Goiás

diario da manha

Em ampla expansão industrial e geração de empregos, Aparecida de Goiânia largou na frente e negocia a instalação de mais uma indústria na cidade, a Refrigerantes do Triângulo Ltda, empresa fabricante do Guaraná Mineiro que está no mercado desde 1965. A conversa entre prefeito Gustavo Mendanha e o presidente da empresa, Luiz Alfredo Massaro, ocorreu nesta quinta-feira, 16.

Segundo o prefeito, foram oferecidas três opções de áreas para construção da indústria na cidade. “Estamos empenhados para que a empresa de instale em Aparecida e gere mais empregos para nossa população. Aqui contamos com infraestrutura necessária para receber uma indústria desse porte, pois nosso foco é avançar ainda mais na geração de empregos, área que já somos referência no país”, disse Gustavo.

O diretor presidente da Refrigerantes do Triângulo Ltda, Luiz Alfredo Massaro, classificou como produtivo o encontro com representantes do município. “A reunião não poderia ser melhor, fui muito bem recebido pelo prefeito Gustavo Mendanha e sua equipe de secretários”, pontuou. De acordo com ele, a Prefeitura tem trabalhado para que a vinda da empresa seja garantida. “Nós vamos nos empenhar para isso. Aliás, o Guaraná Mineiro já está em Aparecida, nós temos um entreposto de vendas onde ocupamos uma área de quatro mil m² com 250 funcionários e agora nós vamos consolidar isso com uma indústria”, declarou.

O executivo lembra ainda que membros da Prefeitura de Aparecida foram até Uberlândia, sede da empresa, com objetivo de iniciar a conversa. “Me visitaram em Uberlândia e me convenceram a vir em Aparecida para conhecer um pouco mais da cidade. O Guaraná Mineiro não só está em Aparecida como agora vem com uma indústria e desses 250 funcionários nós vamos perseguir para que vire 500, 600”, informou Luiz Alfredo.

O secretário de Desenvolvimento Econômico Rodrigo Caldas, demonstrou otimismo durante a visita dos mineiros. Segundo ele o processo que avança com rapidez poderá gerar ao município cerca de 1,5 mil empregos diretos mais 3,5 mil indiretos. “Essa vinda vai fomentar não só a geração de empregos, mas receitas e rendas para Aparecida. Concluindo as conversas passaremos para a assinatura do protocolo de intenções. Aparecida de Goiânia e seu povo merece mais esta indústria em nossa cidade”, finalizou.

Vistorias – A comitiva composta pelo presidente da Refrigerantes do Triângulo Ltda e demais componentes da diretoria da empresa, visitou as quatro possíveis áreas da cidade, sendo uma no polo empresarial Goiás, uma no Complexo Metropolitano Norberto Teixeira, duas no Distrito Agroindustrial (DAIA),  e uma no Jardim dos Ipês. Os visitantes conheceram ainda o Polo Tecnológico e a Serra das Areias. O secretário da Fazenda, André Luis Rosa salientou que a visita foi positiva para Aparecida e para a empresa. “Mostramos nossas potenciais áreas em locais que já contam com infraestrutura ou terão em breve. Por isso consideramos que saímos na frente no processo de trazer a indústria mineira para nossa cidade. Um empreendimento que pode gerar de mil a dois mil empregos diretos e inderetos”, finalizou. Participaram ainda das visitas os secretários Olavo Noleto (Casa Civil), Fábio Passaglia (Governo) e Fábio Camargo (Procuradoria).

Comentários

Mais de Economia