Economia

Dólar aumenta e vai a R$ 4,06 devido a problemas políticos e a reforma

diario da manha

O dólar bateu recorde nesta sexta-feira(17), atingindo o patamar de R$ 4,05, logo na abertura do pregão.A demora na aprovação da reforma da Previdência explica boa parte da alta do dólar.  Os economistas preferem não arriscar diante da ameaça de dissolução da reforma da Previdência.

Os investidores também seguem atentos as declarações de parlamentares para medir o grau de desgaste do governo junto ao Congresso, além de acompanhar o desenrolar de denúncias contra Flávio Bolsonaro.

Às 9h14, a moeda norte- americana subia 0,44%, vendida a R$ 4,0528. Na máxima da sessão chegou a R$ 4, 0648.  No ano o dólar já acumula alta de 4,16%. No mês a alta é de 2, 91%.  É o  maior valor desde setembro do ano passado.

Comentários

Mais de Economia