Economia

Sesi Goiás investirá cerca de 3 milhões em robótica

diario da manha

As escolas Sesi irão receber cerca de R$ 3 milhões em investimento na área de robótica. O anúncio foi feito pelo presidente da Federação das Indústrias do Estado de Goiás (Fieg), Sandro Mabel, durante um almoço com a diretoria da instituição, dirigentes do Sesi e os alunos premiados no Torneio Internacional de Robótica, realizado em abril nos Estados Unidos. O investimento será aplicado na ampliação de infraestrutura, recursos materiais, recursos humanos e ações de formação.

Sandro Mabel explica que a medida tem como objetivo preparar os alunos do Sesi Goiás para ocupar o topo do pódio das principais competições de robótica do mundo e preparar profissionais cada vez melhores para o mercado de trabalho. “Queremos investir na qualidade da mão de obra que fornecemos para nas indústrias. A indústria 4.0 exige mais conhecimento, estudo constante, tecnologias novas e vencerá quem quiser crescer e se esforçar mais”, ressalta.

O presidente lembrou que os alunos das Escolas Sesi precisam ser apaixonados pelas indústrias. “Com mais treinamentos e mais equipamentos, queremos que nossos estudantes queiram atuar na indústria, já que é a indústria que mantém o Sistema Fieg”, ressaltou.

O superintendente do Sesi e diretor regional do Senai, Paulo Vargas, disse que o grande legado do Sesi e do Senai é formar alunos preparados para o mercado de trabalho e para a vida. “Nossos alunos saem das salas de aulas prontos para os grandes desafios que enfrentarão pela vida.”

“Em um momento em que o governo se discute a educação como gasto e não como investimento, participar de uma competição internacional e presenciar o anúncio de investimentos em robótica, mostra como o Sesi valoriza o profissional”, afirmou José Nazaré Júnior, professor e técnico da equipe do Sesi Canaã, premiada no Torneio Internacional de Robótica, realizado em abril, nos Estados Unidos.

ROBÓTICA SESI
Desde 2013, a Robótica Educacional faz parte da grade curricular de todas as escolas Sesi em Goiás. Utilizando os recursos e materiais LEGO propicia aos alunos a oportunidade de lidar com tecnologias dinâmicas, complexas e avançadas, utilizadas em sistemas de automação, cada vez mais presentes na vida cotidiana. É um instrumento para conectar a escola ao mundo presente e futuro dos alunos.

Comentários

Mais de Economia