Esportes

Boca dá vexame em Bombonera vazia

Da Redação

diario da manha

Na volta à Bombonera depois da eliminação da Taça Libertadores diante do River Plate, o Boca Juniors deu vexame. Menos mal que não tinha torcida para envergonhar. Com portões fechados como prevenção da Associação de Futebol Argentino (AFA) após os incidentes da semana retrasada, o líder do Campeonato Argentino perdeu por 3 a 0 para o modesto Aldosivi.

Lequi abriu o placar logo aos oito minutos de jogo. Ainda antes do intervalo, aos 30, Osvaldo teve a chance de empatar em cobrança de pênalti. Deslocou o goleiro, mas chutou para fora, em seu último jogo do fim do empréstimo de seis meses do Internazionale, da Itália.

No segundo tempo, Roger Martínez ampliou para o Aldosivi, aos 12. Em seguida, mais desvantagem para o Boca, aos 13, quando Pérez foi expulso por falta violenta no meio de campo. Pouco antes do fim, aos 44, Vildozo selou a derrota dos xeneizes.

O tropeço em casa deixou o Boca Juniors com 28 pontos e o tirou da liderança, por causa do saldo de gols em relação ao San Lorenzo: 14 a 12.

Mesmo sem poder entrar no estádio, torcedores xeneizes marcaram presença nas ruas do bairro de La Boca, protestando pelo veto. A polícia marcou presença também para garantir a ordem no local.

Dentro do estádio, seguranças foram vistos espalhados pela arquibancada. Um deles inclusive tomou conta do setor onde um torcedor jogou gás de pimenta pelo túnel de acesso do River Plate na partida da Libertadores.

Comentários

Mais de Esportes