Esportes

Promessa de retorno à Série A

diario da manha
Marcelo Almeida assumiu a presidência após a renúncia de Sérgio Rassi, em agosto. Agora terá pela frente um mandato de dois anos (Foto: ROSIRON RODRIGUES/GOIÁS E.C )

Foi realizada na noite de on­tem a eleição presidencial do Goiás. A chapa Avançar, encabeçada por Marcelo Almeida, atual presidente da equipe, Mauro Machado, vice-presidente de fute­bol, Rogério Santana, vice-adminis­trativo e financeiro, Dyogo Crosara, vice-jurídico, Júnior Vieira, vice de esportes olímpicos e paraolímpicos e Adriano Oliveira, vice de patrimô­nio. A chapa era a única que estava disputando o pleito e comandará o time no biênio 2018/19.

Atual presidente do clube e re­cém-eleito, Marcelo Almeida as­sumiu o cargo após a renúncia de Sérgio Rassi, em 25 de agosto. Como era o primeiro vice-presiden­te, Marcelo assumiu pelas regras do estatuto do clube esmeraldino.

Agora eleito, o principal objeti­vo de Marcelo Almeida será tentar devolver o Goiás à Série A do Brasi­leirão. A equipe não disputa a prin­cipal divisão do futebol brasileiro desde 2015, quando no final da­quele ano foi rebaixada à Série B. Pela primeira vez em sua história o esmeraldino após ser rebaixa­do não regressa à Série A nas duas temporadas seguintes ao descenso.

Para 2018, o Goiás já contratou cinco reforços de maneira oficial. O goleiro Marcos, os zagueiros Eduardo Brock e Raphael Silva. O volante João Afonso e o meio­-campo Giovanni, a meta é con­tratar 12 jogadores para o início da próxima temporada.

“O Goiás sempre se fortaleceu nos momentos mais difíceis e tem agora uma grande oportunidade de fazer melhor do que antes. Foi em meio às dificuldades que nos posi­cionamos como maior time do Cen­tro-Oeste. Em 2017 erramos, mas também aprendemos”, comentou o presidente em seu discurso.

 

tags:

Comentários

Mais de Esportes