Esportes

Piloto morre no hospital após sofrer acidente no Autódromo de Goiânia

Piloto estava na quinta colocação da categoria no momento que sofreu o acidente

diario da manha
Foto: Reprodução

A terceira etapa do Goiás SuperBike que foi disputada neste domingo (11/8) no Autódromo Internacional de Goiânia, e terminou com a morte de um piloto da categoria 1000 cilindradas, durante a disputa da penúltima categoria da competição de hoje.

O piloto identificado como Welles Lins de Carvalho, estava na curva zero no momento que passou direto pela curva e colidiu com a proteção da pista. Após o acidente, Welles foi socorrido ainda com vida no Autódromo e encaminhado para o Hospital de Urgências de Goiânia (Hugo) para receber atendimento médico.

O acidente envolvendo o piloto Welles Lins foi na última volta da prova, Welles Lins vinha na quinta colocação, porém ele não chegou a concluir a prova, devido a batida.

A organização da prova que é da Federação Goiana de Motociclismo (FGM) confirmou a morte do piloto e informou que Welles estava em seu primeiro ano em uma categoria oficial da competição. Em virtude do acidente que vitimou Welles Lins, a última prova do dia não foi disputada, que era da categoria 150 cilindradas.

Acidente com morte de piloto no Autódromo de Goiânia é a segunda em quatro anos

O último acidente que terminou com a morte de um piloto no Autódromo de Goiânia, ocorreu também em uma etapa do Super Bike Brasil, há três anos. Na ocasião, a vítima foi o piloto do Super Bike Pro Brasil, João Carlos Sobreira, natural de São Paulo e morreu no dia 18 de outubro de 2015.

De acordo com informações de outro veículo de notícias na época, João Carlos, estava na segunda volta da prova, no momento que passou reto pela primeira curva e bateu contra o guardrail. O piloto chegou a ser socorrido e foi encaminhado com vida para o Hugo, entretanto o paulista não resistiu aos ferimentos e morreu na unidade de saúde.

Em nota a FGM confirmou a morte de Welles e lamentou o acidente que vitimou o piloto, confira a nota:

“É com imenso pesar que a Federação de Motociclismo do Estado de Goiás (FMG) comunica a morte do piloto Welles Lins de Carvalho Balbino, na tarde deste domingo (11/8), durante a 3ª etapa do Goiás Superbike, no Autódromo de Goiânia.

O piloto participava da categoria SBK Escola 1000cc e, na última volta, perdeu o controle na curva zero, batendo no guard rail. Welles Lins foi prontamente socorrido por uma equipe médica, contratada pelo evento, e encaminhado ao Hospital de Urgências de Goiânia (Hugo). Na unidade de saúde, o piloto sofreu uma parada cardiorrespiratória e acabou falecendo.

A organização do Goiás Superbike lamenta a perda e se solidariza com familiares e amigos do piloto. As outras duas baterias de prova que aconteceriam neste domingo foram canceladas.

Welles Lins, que é de Brasília, participava das programações do campeonato goiano há dois anos, na categoria Track Day. Na atual temporada, ingressou na categoria Escola 1000cc, já tendo participado de outras duas etapas este ano.”

*Com informações do O Popular

Comentários

Mais de Esportes