Esportes

Flamengo e Grêmio ficam no empate na Libertadores da América

Decisão ficou para o jogo da volta no próximo dia 23 de outubro no Maracanã

diario da manha
Foto: Reprodução

Depois da vitória do River Plate por 2 a 0 na noite da última terça-feira (1/10) contra o Boca Juniors, foi a vez de Grêmio e Flamengo entrarem em campo pela primeira partida das semifinais da Libertadores da América 2019. E o time carioca chegou a sair na frente, mas o Grêmio empatou no fim do jogo e deixou a decisão da vaga para o jogo de volta.

Nos primeiros minutos um jogo estudando de ambas as partes, a primeira grande chance foi do Grêmio, o atacante Luan recebeu e tentou bater, mas a bola desviou em Willian Arão e a bola ficou fácil para a defesa do goleiro Diego Alves.

A resposta do Flamengo veio na sequência, em jogada pela lateral esquerda, Gabriel Barbosa tabelou com De Arrascaeta e invadiu a área, após receber de volta do companheiro, o artilheiro do Flamengo tentou o arremate, mas a defesa do tricolor gaúcho apareceu para desviar a bola.

O Flamengo continuou na pressão e pelo lado esquerdo do ataque, Bruno Henrique recebeu e arriscou de fora da área, mas a bola passou ao lado do gol defendido pelo goleiro Paulo Victor.

Aos 19′ do primeiro tempo o Flamengo voltou a atacar pelo lado esquerdo, Bruno Henrique, De Arrascaeta e Filipe Luiz, a bola voltou para o meia rubro-negro que cruzou para dentro da área, Paulo Victor saiu para fazer a defesa e a bola caiu nos pés de Evérton Ribeiro que bateu para o gol para abrir o placar.

O time rubro-negro chegou a comemorar, mas o árbitro de vídeo entrou em jogo pela primeira vez na partida, e o árbitro argentino Nestor Pitana foi revisar o lance no monitor, após a revisão foi anulou o gol, após verificar um empurrão de Gabriel Barbosa em Kanneman antes da conclusão para o gol.

Poucos minutos após ter o primeiro gol anulado pelo VAR, o Flamengo voltou a chegar e mais uma vez pela esquerda do ataque, Bruno Henrique tocou para Gabigol dentro da área, o artilheiro rubro-negro bateu para o gol e o goleiro Paulo Victor aceitou. E outra vez o VAR entrou em jogo, e mais uma vez o gol do time comandado por Jorge Jesus teve outro gol anulado na partida com menos de 25 minutos do primeiro tempo.

O Grêmio voltou a chegar aos 32′ da etapa inicial de jogo, após cobrança de lateral, Rafael Galhardo recebeu e tentou o cruzamento para dentro da área, mas a marcação chegou para desviar a bola para escanteio.

Bruno Henrique apareceu sozinho para marcar o gol do Flamengo

Aos 4′ do segundo tempo o Grêmio criou a primeira grande chance da etapa final, Rafael Galhardo recebeu o lançamento pela direita e conseguiu o escanteio. Após a cobrança do tiro de canto, a defesa do Flamengo tentou afastar e a bola sobrou com Luan, o atacante tentou o chute cruzado para o gol, mas a defesa do time carioca afastou.

O Flamengo chegou aos 11′ do segundo tempo, Gabigol recebeu e fez o giro, mas foi derrubado pela defesa, De Arrascaeta veio para a cobrança e alçou a bola dentro da área, o zagueiro Rodrigo Caio apareceu para tocar de cabeça e por pouco Bruno Henrique não alcançou para colocar a bola para o fundo do gol.

O time comandado por Jorge Jesus voltou a assustar aos 17′ da segunda etapa, Bruno Henrique recebeu e carregou, na entrada da área ele colocou Gabigol na cara do gol, após tabela entre os dois, mas o artilheiro rubro-negro bateu e a bola passou tirando tinta da trave.

A resposta do Grêmio veio em seguida, o atacante Luan lançou o companheiro Everton Cebolinha, que saiu na cara do gol e tentou bater rasteira, o goleiro Diego Alves apareceu para evitar o gol do tricolor gaúcho. O Grêmio teve outra oportunidade momentos depois, dessa vez Luan recebeu e tentou o chute e mais uma vez Diego Alves apareceu para fazer a defesa.

Depois de passar por dois sustos no segundo tempo, o Flamengo colocou a bola no chão e a chegou ao lado direito do ataque rubro-negro com De Arrascaeta que alçou a bola na área e o atacante Bruno Henrique apareceu sozinho para cabecear, a bola tocou na trave e foi morrer no fundo do gol 1 a 0.

O Flamengo voltou a controlar as ações do jogo, e jogada feita pelo lateral direita, o volante Willian Arão apareceu como homem surpresa dentro da área e fez o cruzamento rasteiro para Gabigol que colocou pro fundo da rede, mas a arbitragem marcou impedimento no lance.

Aos 42′ do segundo tempo, o Flamengo perdeu a bola, após o lateral-esquerdo Filipe Luiz, o o Grêmio fez a jogada rápida, a bola chegou ao atacante Everton Cebolinha do lado direito do ataque do tricolor gaúcho, e cruzou para Pepê empatar o jogo.

Com o empate em 1 a 1 a decisão ficou para o jogo de volta no próximo dia 23 de outubro no Maracanã. O Flamengo para conquistar a vaga precisa apenas de um empate sem gols, empate com gols o Grêmio passa, e quem vencer fica com a vaga.

Escalação:

Grêmio: 1 – Paulo Victor, 17 – Rafael Galhardo, 20 – David Braz, 4 – Kanneman, 12 – Bruno Cortez, 5 – Michel (8 – Maicon), 14 – Matheus Henrique, 7 – Luan, 23 – Alisson (25 – Pepê), 11 – Evérton Cebolinha e 9 – Diego Tardelli (19 – André).

Técnico: Renato Gaúcho

Flamengo: 1 – Diego Alves, 18 – Rafinha, 3 – Rodrigo Caio, 24 – Pablo Marí, 21 – Filipe Luiz (6 – Renê), 5 – Willian Arão, 15 – Gerson (25 – Piris da Mota), 14 – De Arrascaeta, 7 – Everton Ribeiro, 27 – Bruno Henrique (11 – Vitinho) e 9 – Gabigol.

Técnico: Jorge Jesus

Árbitro: Nestor Pitana (ARG)

Cartões Amarelos: Rodrigo Caio (Flamengo), Michel, Diego Tardelli (Grêmio)

Cartões Vermelhos:

Comentários

Mais de Esportes