Esportes

Zagueiro do Goiás coloca time como um dos favoritos para conquistar o acesso

Esmeraldino estreia na próxima segunda-feira, 30, na competição fora de casa

diario da manha

O zagueiro Matheus Salustiano foi apresentado oficialmente pelo Goiás, e durante entrevista coletiva o defensor esmeraldino disse acreditar que o alviverde é um dos favoritos para conquistar o acesso à Serie A do Campeonato Brasileiro da próxima temporada.

Na coletiva o defensor contou um pouco sobre suas características, e que segundo ele, ele é um zagueiro que gosta de sair jogando, com um bom passe e velocidade, além de ter uma bola área muito boa. “Gosto de marcar bem, e procuro exercer o que um zagueiro faz de melhor, a gente hoje tem que saber marcar e saber jogar hoje em dia, então procuro fazer isso muito bem”.

O Goiás estreia na Série B na próxima segunda-feira, 30, fora de casa contra o Sampaio Corrêa do Maranhão. Antes da bola rolar, Matheus Salustiano foi questionado se ele coloca o esmeraldino como um dos favoritos a conquistar o acesso, ao que respondeu que não apenas colocaria, mas que coloca o clube como um dos times que brigam sim para subir para a Série A.

“Colocaria e coloco o Goiás como favorito ao acesso, pela estrutura que eles oferecem aos jogadores, pela seriedade que a diretoria está encarando esse projeto, os jogadores que estão chegando e pela torcida apaixonada que o clube tem. Então com certeza a gente vai ser um dos favoritos, mas a gente vai provar isso dentro de campo, pois não adianta eu estar falando que a gente favorito e não provar isso dentro de campo”, declara.

Para o zagueiro além do Goiás, Botafogo, Vasco, Cruzeiro e Coritiba também aparecem como favoritos ao acesso

Além do esmeraldino, o zagueiro colocou os dois clubes do Rio de Janeiro, Vasco e Botafogo ao lado de Coritiba, Vitória e outros times como favoritos nessa briga pelo acesso à Série A.

Salustiano fez uma breve análise sobre o jogo de segunda, na qual considerou que vai ser um jogo difícil, mas que este não vai ser nem o primeiro e nem o último confronto que a equipe goiana terá dificuldades.

“Vai ser um jogo muito difícil, creio que pelo time que vem bem, campeão estadual, vem de uma boa campanha na última série B, podem usar o fator de que estamos em uma reconstrução de elenco, mas nosso time está bem formado, está procurando criar identidade, vem criando identidade, vai ser um jogo difícil, não vai ser o primeiro e nem o último, a gente vai ter 38 anos finais, temos encarar com seriedade, respeitar o adversário e procurar impor nosso jogo”, conclui.

Leia também:

Comentários