Esportes

Jornalistas são investigados por injúria racial contra o jogador Celsinho

O caso aconteceu durante partida entre Goiás e Londrina

diario da manha
Celsinho Londrina treino — Foto: Gustavo Oliveira/Londrina EC

O narrador esportivo Romes Xavier e o comentarista Vinícius Silva estão sendo investigados pela Polícia Civil (PC) por injúria racial ao chamarem de “imundo” e “pesado”, o cabelo black power do jogador Celsinho, do Londrina, em uma transmissão do jogo entre Goiás e o time paranaense, na capital goiana, no dia 17 de julho. Uma câmera registrou os comentários feitos após uma falta, enquanto o jogador estava caído no gramado.

“O cabelo deve pesar demais, né Vinícius?”, pergunta Xavier.

“Exatamente. Parece mais uma bandeira de feijão a cabeça dele do que um verdadeiro cabelo. Não é porque eu estou perdendo os cabelos que eu vou achar um negócio imundo desse bonito”, responde Vinícius Silva.

Os dois jornalistas assumiram que fizeram comentários infelizes durante a partida e pediram desculpas ao jogador e ao clube. Ambos foram afastados da Rádio Bandeirantes, esta que se manifestou repudiando veementemente “qualquer ato que possua cunho ou menção racista a qualquer pessoa” e solicitou a imediata rescisão contratual dos jornalistas.

O clube Londrino declarou, “inadmissível e lamentável que tais comunicadores, formadores de opinião, propaguem atos de racismo”.

Celsinho registrou um boletim contra os jornalistas na 2ª Delegacia de Polícia de Goiânia. A ocorrência veio à PC nesta quinta-feira, 5, que irá investigar o caso. Joaquim Adorno Filho, delegado responsável pelo caso explicou, “Chegou o procedimento por e-mail. Encaminharam todas as oitivas que fizeram lá. Vamos instaurar o inquérito policial por injúria racial e ouvir os suspeitos e testemunhas nos próximos dias”.

Declaração

Xavier disse nesta quinta-feira, 5, que respeita a decisão do clube e do jogador. Ainda disse sobre sua fala durante a partida: “O cabelo dele deve pesar demais. É bonitão, é um black power, é um estilo, é um ritmo”. Ainda afirmou que não tinha “intenção de discriminar o jogador”. “Lamento o ocorrido e estou tentando ser uma pessoa melhor todos dias”, disse.

Vinícius Silva disse que entrou em contato com o atleta após a partida, pedindo desculpas. “Demonstro todo arrependimento pelo comentário infeliz referente ao atleta Celsinho. Peço desculpas a ele e sua família. Entrei em contato com Celsinho demonstrando todo remorso. A Rádio Bandeirantes é completamente contra essa postura e eu particularmente também sou”, declarou.

*Com informações do G1

Leia também:

Comentários