Opinião

Goiás, um Estado onde a natureza é generosa

diario da manha

José Justino Porto ,Especial para Opinião Pública

Nas dez regiões geográficas que compõem nossa federação, temos polos turísticos onde o visitante pode se dar ao luxo de escolher a melhor região, e a melhor atração, para se divertir de  acordo com sua conveniência. Vejamos algumas opções que Goiás nós oferece.

Começamos com as cidades das águas quentes, Caldas Novas e Rio Quente. Nestas cidades, o turista vai deparar com mais 200 edifícios com mais de 7000 aptos com parques termais. Além de  um centenas de Clubes e pousadas em toda a região metropolitana da cidade. Ainda nas águas quentes, temos a maior estância hidro termal do mundo. A Pousada do Rio Quente conhecida mundialmente são milhares de turistas de todos continentes, é um passeio imperdível.

As nossas cidades históricas, dos séculos XVII, XVIII e XIX, são orgulho para nós goiano. Pirinopolis, Corumbá, e nossa antiga Capita tombada pelo patrimônio histórico mundial, nossa querida “Cidade de Goiás”. Lá encontramos seus casarões centenários, bem conservados, e suas rua com calçamentos em pedras.

Não podemos deixar de lados as belezas do nosso majestoso Rio Araguaia, com suas praias de areias brancas,e com uma piscicultura varias para praticar a pesca esportiva. Outra peculiaridade  na  região do rio Araguaia são os diversos frutos do cerrado, a flora no oeste goiano é farta encontramos, Muricy ,graviola, mangaba, entre outros frutos.

Lagoa Santa, também classificada como estância termal, a 400Km de Goiânia, possui toda uma estrutura como hotéis e pousadas.  À água da lagoa possui, segundo alguns terapeutas, possui qualidades medicinais. Vale a pena conferir

Na Região do Nordeste Goiano, encontramos a belíssima Chapada dos Veadeiros, um parque de mais 50 Km quadrados. Onde possui mais de 500 cachoeiras, muitas não catalogadas, suas águas cristalinas. Estamos diante de um estado riquíssimo em recursos naturais, que podemos explorar de forma sustentável. Portanto, infra estrutura não falta, o turista ou visitante, que for a Brasília ver os jogos da “Copa”,  pode vir a Goiás, que será bem recepcionado. Estamos ” No coração verde da Pátria”.

 

(José Justino Porto, professor mestre, historiador e geógrafo. Mestre em Ciências da Religião pela PUC-GO. [email protected])

Comentários

Mais de Opinião

27 de outubro de 2018 as 21:44

A estratégia de Pedro

27 de outubro de 2018 as 21:18

Bom dia, Brasil

26 de outubro de 2018 as 21:35

As propostas de Bolsonaro

26 de outubro de 2018 as 21:34

Ensaio sobre a criação do espaço

26 de outubro de 2018 as 21:33

Um amor de Goiânia

26 de outubro de 2018 as 21:32

Brasil e totalitarismo

26 de outubro de 2018 as 21:07

Esses corregedores do CNJ são uma piada

26 de outubro de 2018 as 21:00

O voo do DM

26 de outubro de 2018 as 20:57

Casos de câncer de mama sobem no País

26 de outubro de 2018 as 20:53

O Brasil pede socorro à CNBB!

26 de outubro de 2018 as 20:49

O direito de sonhar

26 de outubro de 2018 as 20:47

O STF legisla demais