Opinião

Marconi Perillo inaugura nova fase de gestão no Brasil

Patrick Barcellos ,Especial para Opinião Pública

diario da manha

No exercício de seu quarto mandato de governador de Goiás, Marconi Perillo inaugurou uma nova fase de gestão pública no Estado de Goiás e no Brasil, acabando de vez com o amadorismo e a improvisação da maioria de seus antecessores, bem como de gestores em nível nacional.  Ele mesmo faz questão de enfatizar que Goiás já foi governado por grandes políticos, verdadeiros estadistas, aos exemplos de Mauro Borges e Henrique Santillo. Mas a verdade é que Marconi Perillo, que começou sua carreira política no PMDB, aprendeu com louvor a lição de casa e, hoje, suas ações em prol da melhoria da qualidade de vida da população goiana servem de referências para outros governos, inclusive o federal.

A conquista do primeiro mandato de governador por Marconi Perillo entrou para os anais da história política nacional como a legendária luta entre Davi e Golias. Com apenas 35 anos de idade, o então deputado federal Marconi iniciou a disputa com o experiente Iris Rezende, ex-governador e, pior, no exercício de mandato de senador da República, enfim a principal liderança política do Estado à época, com apenas 3% da preferência do eleitorado contra mais de 67% dada ao adversário. Com o mote de um “tempo novo” para a política e o governo do Estado, que sensibilizou as crianças, adolescentes e jovens goianos, Marconi, considerado o pequeno Davi, derrotou Iris, apontado como o gigante Golias, no segundo turno e assumiu o governo de Goiás.

Depois de inaugurar um novo tipo de gestão pública no Estado, sobretudo no item transparência, Marconi fez de Goiás o Estado mais progressista do Brasil em termos de desenvolvimento sustentável, e, como consequência, conquistou a reeleição para o segundo mandato de governador “com os pés nas costas”, ou seja, foi reeleito ainda no primeiro turno. Em seguida, conquistou vaga no Senado da República, passando a ser o primeiro goiano a ser eleito vice-presidente da Câmara Alta do Congresso Nacional, onde representou com brilhantismo não apenas Goiás, mas o País, tanto que foi candidato novamente a governador, conquistando o terceiro mandato, mesmo enfrentando as máquinas municipal, estadual e federal. Foi candidato à reeleição e nova vitória em cima de Iris, passando a deter um recorde político em Goiás, que só poderá ser batido eventualmente nos próximos 100 anos.

E isso sem falar no que Marconi Perillo realizou para tornar o Estado de Goiás uma referência nas importantes áreas da Educação e Saúde. Na Educação, simplesmente conquistou o primeiro lugar no Ideb, deixando evidente que realiza um governo de planejamento, sincronia e boas ideias. E isso tanto é verdade que o Governo Marconi Perillo segue surpreendendo com avanços de uma gestão efetivamente planejada. Só para se ter ideia, o crescimento da economia goiana é muito superior ao da economia nacional. Na Saúde, há pouco tempo, o secretário de Atenção à Saúde do Ministério da Saúde, Helvécio Magalhães, doutor em Planejamento de Saúde pela Unicamp e que representa o governo do PT, disse que o Centro de Reabilitação e Readaptação Dr. Henrique Santillo, mais conhecido pela sigla Crer, é um modelo para o país. Sem falar nas missões que empreendeu ao exterior, que vêm apresentando resultados excelentes na balança de comércio do Estado com outros países. E mais: ao exemplo do que faz na Educação e Saúde, Marconi faz nas demais áreas do seu moderno governo, merecendo destaque a construção, recuperação e manutenção de rodovias e estradas, ampliando assim o escoamento da produção goiana para outros grandes centros comerciais. Enfim, vem adotando uma série de medidas para incrementar mais ainda o agronegocio, que, sabe de cor e salteado, movimenta praticamente todos os outros setores da economia, aos exemplos da indústria de máquinas pesadas e de automóveis.

Portanto, não apenas pela conquista do quarto mandato de governador, conforme enfatizamos, um recorde a ser batido eventualmente nos próximos 100 anos, os jornalistas políticos de Goiás tiveram motivos de sobras para eleger Marconi Perillo o Político do Ano de 2014. Mas também é do conhecimento público que pesquisas divulgadas, ao exemplo desta do governo federal (Ministério da Educação), que colocou Goiás em primeiro lugar no ensino básico, arrancando Santa Catarina da liderança, revelam que a qualidade dos serviços públicos no Estado de Goiás melhoraram consideravalmente nos últimos anos. E o melhor: segue melhorando a cada iniciativa desse jovem e sábio político e gestor Marconi Perillo.

Que Deus continue abençoando ricamente o Governador de todos os goianos, sobretudo com saúde e sabedoria, para que siga realizando gestão exemplar, haja vista que o Brasil está carente de exemplos de bons políticos. De nossa parte, estamos imbuídos do propósito não apenas de orar para que esse jovem político venha a ser o próximo Presidente da República, mas, também, de oferecer o nosso melhor para que esse sonho da maioria dos goianos e, quiça, do povo brasileiro, se torne em realidade. Amém!

 

(Patrick Barcellos, Facebook: Patrick Barcellos; fan page: /patrickbarcellosgo; Instagram: @patrickbarcellos; Twitter: @patricbarcellos; e-mail: [email protected]; Site: http://www.patrickbarcellos.com.br)

Comentários

Mais de Opinião

27 de outubro de 2018 as 22:23

Brasília – Prazo de validade vencido

27 de outubro de 2018 as 21:44

A estratégia de Pedro

27 de outubro de 2018 as 21:18

Bom dia, Brasil

26 de outubro de 2018 as 21:35

As propostas de Bolsonaro

26 de outubro de 2018 as 21:34

Ensaio sobre a criação do espaço

26 de outubro de 2018 as 21:33

Um amor de Goiânia

26 de outubro de 2018 as 21:32

Brasil e totalitarismo

26 de outubro de 2018 as 21:07

Esses corregedores do CNJ são uma piada

26 de outubro de 2018 as 21:00

O voo do DM

26 de outubro de 2018 as 20:57

Casos de câncer de mama sobem no País

26 de outubro de 2018 as 20:53

O Brasil pede socorro à CNBB!

26 de outubro de 2018 as 20:49

O direito de sonhar