Opinião

Mérito da goianidade

Nascido aqui ou não, quem escolheu Goiás para viver é goiano pelo coração

diario da manha

 

Walter Menezes,Especial para Opinião Pública

A Associação Goiana de Imprensa fez realizar em 1992, exatamente no dia 31 de janeiro, a “Noite da Goianidade”, quando cerca de 100 personalidades foram homenageadas com o diploma de “Mérito da Goianidade”. A festa, transcorrida no recinto do Jóquei Clube de Goiás, abrigou mais de 1.000 pessoas convidadas, formadas por intelectuais, próceres políticos, empresários, pioneiros e jornalistas.

A láurea do “Mérito da Goianidade” foi outorgada pela Associação Goiana de Imprensa, criadora da “Ordem do Mérito da Goianidade”, composta dos representantes da AGI: profs. Licínio Leal Barbosa e Luiz Alberto Di Lorenzzo do Couto (presidente e vice-presidente da Ordem). E, também, um membro de cada um dos seguintes órgãos: Instituto Histórico e Geográfico de Goiás (prof. Colemar Natal e Silva), Fundação Cultural Pedro Ludovico (escritor Geraldo Coelho Vaz, no ato representando o Governo do Estado), Academia Goiana e Letras (escritor José Mendonça Teles, União Brasileira de Escritores Seção de Goiás (jornalista e escritor Iuri Rincon Godinho) e Academia Feminina de Letras e Artes de Goiás (escritora Rosarita Fleury). Os fundadores da entidade, proeminentes nomes da vida cultural social política e econômica de Goiás, tiveram os seus nomes ali ecoados. Os familiares dos homenageados “in memoriam” se fizeram presentes.

A AGI tinha na presidência Antônio Lessa; na vice-presidência, Reynaldo Rocha; como presidente do conselho, Paulo Pacheco, e diretor-executivo, Walter Menezes.

As seguintes pessoas foram homenageadas com o “Mérito da Goianidade”, a maior láurea concedida, em nosso Estado, por uma entidade não governamental:

 

FUNDADORES DA AGI

1 – Albatênio Caiado de Godoy – Presidente – Diretor da “Voz do Povo”.

2 – Vasco dos Reis Gonçalves – Vice-Presidente – Diretor de “O Social”.

3 – Venerando de Freitas Borges – Secretário – Diretor de “O Comércio”.

4 – Agnelo Arlington Fleury Curado – Tesoureiro, Correspondente de Jornais.

5 – Alfredo Nasser – Orador – Diretor de “A Coligação”.

6 – Zoroastro Artiaga – Correspondente de jornais.

7 – Jaime Câmara – Comissão de Estatutos.

8 – Abdalla Samahá – Comissão de Estatutos.

9 – Benjamin Luz Vieira – Comissão de Estatutos.

10 – Goyaz do Couto – Comissão de Estatutos.

11 – Mário Mendes da Costa – Publicitário e Correspondente.

12 – Claro Augusto de Godóy – Redator de “Voz do Povo”.

13 – João Monteiro – Correspondente de Jornais.

14 – Ignácio Xavier da Silva – Correspondente de Jornais.

15 – Octávio Artiaga – Correspondente de Jornais.

 

HOMENAGENS

ESPECIAIS

1 – Senador Irapuan Costa Júnior.

2 – Governador Iris Rezende Machado.

3 – Deputado Federal João Natal de Almeida.

4 – Governador (DF) Joaquim Domingos Roriz.

5 – Ex-governador Jerônimo Coimbra Bueno.

6 – Ex-governador Mauro Borges Teixeira.

7 – Prefeito Nion Albernaz.

 

EMPRESÁRIOS

1 – Amadeu Letiére – Hotel Bandeirantes.

2 – Ermanno Capelli – EME GE – Moinhos Goiás S/A.

3 – Hailê Pinheiro – HP – Transportes coletivos Ltda.

4 – João Alves de Queiroz – Arisco Produtos Alimentícios Ltda.

5 – Jorge Abrão – Grupo Jorge Abrão.

6 – Joviro Rocha – Diretor do Jóquei Clube de Goiás.

7 – Lourival Louza – Jardim Goiás ‘Empreendimentos Flamboyant’.

8 – Luiz Estevão de Oliveira – Pneus OK.

9 – Odilon Santos – Fundador da Viação Araguarina.

10 – Olavo de Castro – Castro’s Park Hotel.

11 – Ovídio Di Angelis – Banco do Estado de Goiás.

12 – Ovídio Inácio Carneiro – Companhia Goiana de Laticionios.

13 – Paulo Seroni – Ex-presidente da Federação de Agricultura do Estado de Goiás – Faeg.

14 – Pedro Paulo Souza – Encol S/A – Engenharia Comércio e Indústria.

15 – Sebastião Maldi – Fundador da Pneulândia.

16 – Waldir O’Dwyer – Líder empresarial anapolino.

 

HOMENAGENS

1 – Acary de Oliveira Passos – Indigenista, Escritor e Jornalista.

2 – Afonso Félix de Souza – Causídico e Escritor.

3 – Altamiro de Moura Pacheco – Médico, Escritor e Mecenas.

4 – Antônio José de Moura – Jornalista e Escritor.

5 – Antônio Miguel Jorge Chaud – Professor, Jornalista e Escritor.

6 – Arthur Rezende Filho – Jornalista.

7 – Waldomiro Bariani Ortêncio – Escritor.

8 – Batista Custódio Santos – Jornalista.

9 – Belkiss Spencièri Carneiro de Mendonça – Musicista e Jornalista.

10 – Benedicto Silva – Homem Público e Escritor.

11 – Barnardo Elis Fleury Curado – Escritor.

12 – Brás Wilson Pompeu de Pina Filho – Musicista e Escritor.

13 – Carlos Dayrell – Jurista.

14 – Carmo Bernardes – Escritor e Jornalista.

15 – Cici Pinheiro – Teatróloga e Escritora.

16 – Domiciano de Faria Pereira – Jornalista.

17 – Elias Bufaiçal – Empresário.

18 – Eli Braziliense Ribeiro – Escritor e Jornalista.

19 – Fenelon Teodoro dos Reis – Jurista.

20 – Francisco de Azevedo Ferreira – Jurista.

21 – Francisco Braga Sobrinho – Jornalista e Escritor.

22 – Francisco de Brito – Escritor e Jornalista.

23 – Genesco Ferreira Bretas – Professor e Escritor.

24 – Gerson de Castro Costa – Causídico, Jornalista e Escritor.

25 – Goiandira Ayres do Couto – Artista Plástica.

26 – Haydée Jayme – Escritora e Historiadora.

27 – Hamilton Carneiro – Publicitário.

28 – Hélio Seixo de Brito – Médico e Homem Público.

29 – Humberto Crispim Borges – Causídico, Escritor e Historiador.

30 – Irineu Borges do Nascimento – Economista e Administrador Público.

31 – Israel de Amorim – Homem Público.

32 – Jacy Siqueira – Escritor e Poeta.

33 – João de Paula Guimarães – Jornalista e promotor de eventos.

34 – João Mendonça Filho – Médico e Jurista.

35 – Joaquim Taveira – Jurista.

36 – Jerônimo Geraldo de Queiroz – Professor, Causídio, Escritor e Jornalista.

37 – José Aquino Porto – Empresário.

38 – José Asmar – Escritor e Jornalista.

39 – José Augusto Pereira Zeka – Jurista e Professor.

40 – José Cunha Júnior – Jornalista.

41 – José Dilermando Meirelles – Causídico e Administrador.

42 – José J. Veiga – Escritor e Jornalista.

43 – José Luiz Bitterncourt – Jornalista, Causídico e Homem Público.

44 – José Naves Júnior – Homem Público.

45 – José Soares de Castro – Causídico.

46 – Juvenal Campos Amaral – Jornalista.

47 – Lauro da Veiga Jardim – Jornalista.

48 – Leolídio Di Ramos Caiado – Engenheiro e Ambientalista.

49 – Leyde Jayme – Causídico e Empresário.

50 – Lourival Batista Pereira – Jornalista.

51 – Luiz Rassi – Médico.

52 – Manoel Amorim Félix de Souza – Jurista e Poeta.

53 – Maria das Dores Campos – Escritora e Poeta.

54 – Maria Guilhermina – Artista Plástica.

55 – Miguel Jorge – Escritor.

56 – Múcio Mello Álvares – Professor.

57 – Nelly Ales de Almeida – Professora, Escritora e Crítica Literária.

58 – Neusa Rodrigues de Morais – Artista Plástica.

59 – Olegário da Silva Rocha Vidal – Homem Público.

60 – Omar Carneiro – Médico.

61 – Paulo Campos – Causídico e Homem Público.

62 – Paulo Tormim Borges – Causídico.

63 – Regina Lacerda – Escritora e Folclorista.

64 – Rubens Carneiro dos Santos – Professor.

65 – Rubens Cosac – Homem Público.

66 – Ruy de Azeredo Bastos – Homem Público.

67 – Sebastião Elias Campos – Jornalista.

68 – Ursulino Tavares Leão – Escritor e Causídico.

69 – Waldemar Gomes de Melo – Jornalista e Escritor.

70 – Waldir do Espírito Santo Castro Quinta – Causídico e Escritor.

 

HOMENAGENS

PÓSTUMAS

1 – Adory Otoniel da Cunha – Jornalista.

2 – Alfredo de Faria Castro – Causídico.

3 – Antônio Juruena Di Guimarães – Causídico e Jornalista.

4 – Benedito Odilon Rocha – Escritor.

5 – César Alencastro Veiga – Empresário.

6 – Cora Coralina – Escritora e Poetisa.

7 – Domingos Neto Velasco – Homem Público e Jornalista.

8 – Gelmires Reis – Escritor e Jornalista.

9 – Geraldo de Araújo Vale – Jornalista e Escritor.

10 – Heitor de Moraes Fleury – Jurista.

11 – Jerônimo Augusto Curado – Causídico.

12 – Joaquim Câmara Filho – Engenheiro, Jornalista e Homem Público.

13 – José Décio Baldvino Filho – Poeta e Escritor.

14 – Pe. José Dallamutta – “Pe. Zezinho” – Religioso e Escritor.

15 – José Ludovico de Almeida – Homem Público.

16 – Licardino de Oliveira Ney – Homem Público.

17 – Lindolpho Emiliano dos Passos – Militar.

18 – Luiz de Aquino Alves – Empresário.

19 – Luiz Guedes D’Amorim Coelho – Empresário e Homem Público.

20 – Maximiano da Mata Teixeira – Causídico e Jornalista.

21 – Oscar Sabino Júnior – Jornalista e Escritor.

22 – Pedro Adalberto Gomes de Oliveira – Escritor.

23 – Pedro Ludovico Teixeira – Médico e Homem Público.

24 – Rui Cruvinel – Homem Público.

25 – Waldir Luiz Costa – Causídico e Escritor.

 

(Walter Menezes – Ex-presidente, conselheiro permanente da AGI e diretor do Jornal da Cultura Goiana)

Comentários

Mais de Opinião

27 de outubro de 2018 as 21:44

A estratégia de Pedro

27 de outubro de 2018 as 21:18

Bom dia, Brasil

26 de outubro de 2018 as 21:35

As propostas de Bolsonaro

26 de outubro de 2018 as 21:34

Ensaio sobre a criação do espaço

26 de outubro de 2018 as 21:33

Um amor de Goiânia

26 de outubro de 2018 as 21:32

Brasil e totalitarismo

26 de outubro de 2018 as 21:07

Esses corregedores do CNJ são uma piada

26 de outubro de 2018 as 21:00

O voo do DM

26 de outubro de 2018 as 20:57

Casos de câncer de mama sobem no País

26 de outubro de 2018 as 20:53

O Brasil pede socorro à CNBB!

26 de outubro de 2018 as 20:49

O direito de sonhar

26 de outubro de 2018 as 20:47

O STF legisla demais