Opinião

O dia 14 de junho como o Dia Mundial do Doador de Sangue

Marcos Antônio de Oliveira ,Especial para Opinião Pública

diario da manha

 

No ano de 2004 a Organização Mundial de Saúde (OMS) intitulou o dia 14 de junho como o Dia Mundial do Doador de Sangue. O objetivo é homenagear e agradecer a todos os doadores que ajudam a salvar vidas diariamente. Na data comemora-se também o aniversário de Karl Landsteiner, prêmio Nobel pela descoberta do sistema de grupos de sangue ABO. A OMS promove também este ano a campanha “Pintando o Mundo de Vermelho”. O objetivo da campanha é conscientizar, por meio de ações culturais, a importância e a necessidade de hemocomponentes seguros para a população e agradecer aqueles que salvam vidas através do ato de doar sangue.

Portanto, é preciso aumentar número de  doadores voluntários para atender a demanda que cresce a cada dia. Em Goiás é o Hemocentro  (Hemogo) banco de sangue público responsável pela assistência hemoterápica de todo Estado de Goiás.  Atende mais 100 Unidades de saúde, entre as quais os maiores hospitais do Estado, como os Hospitais de Urgências de Goiânia, de Anápolis e de Trindade, Hospital Geral de Goiânia, Hospital Materno Infantil, Maternidade Nossa Senhora de Lordes e outros.

O ato de doar sangue ainda não é constante em nosso país, embora, existam diversas ações e campanhas conscientizado sobre a importância de tal ato, ainda faltam doadores.

Essa atitude é fundamental para salvar vidas! Os doadores de sangue são pessoas especiais que muitas vezes não tem a dimensão do seu gesto que com uma simples doação beneficia e ajuda salvar a vida de até quatro pacientes diferentes. Além de que o doador sabe um dia poderá também necessitar do sangue de outros.

Portanto, beneficiar alguém estaríamos agindo conforme o sentido do amor ensinado pelo Senhor. “Em tudo vos tenho mostrado que assim, trabalhando, convém acudir os fracos e lembra-se das palavras do Senhor Jesus, porquanto Ele mesmo disse: É maior felicidade dar que receber.” Atos 20:35.

Não deixe de ajudar essa boa causa, vidas precisam ser salvas, essa atitude além de ajudar o próximo lhe fará muito bem é a disposição de dar a vida ao nosso semelhante, isto é visto como ato de amor. Vamos plantar a semente da consciência a necessidade e doar sangue. As pessoas conscientes reconhecem sua responsabilidade social, e desenvolvem o habito de doar regularmente. Com isso, podemos cada vez mais atender as pessoas que estão passando por tratamentos de saúde, quimioterapia, recuperação cirúrgica, além de acidentados e portadores de algumas doenças do sangue que precisam de suas generosas doações. “Jesus doou todo seu sangue pela humanidade, doe um pouco do seu por uma vida.”

Doar sangue é estender sua vida a outra pessoa. Independente no seu tipo sanguíneo, alguém sempre vai esperar sua doação. Esse pequeno gesto muda vida de muita gente. Você sabe o que é verdadeiramente o significado de Salvar vida? Amor te leva à caridade, que pode ser amar o próximo por amor a Deus; o seu amor próximo te faz vontade de salvar a vida dele; essa vontade é tão grande que você faz um sacrifício em nome desse amor. Seja um doador também um doador de sangue, doamos vida por nosso sangue. Vidas por Vidas! Requisitos para doar sangue: Nunca doe em jejum, evite alimentos gordurosos, ter entre 16 e 69 anos (Obs.: o menor só poderá doar com autorização presencial e por escrito do responsável legal), peso superior a 50 kg, boas condições de saúde, homens devem esperar um intervalo de 60 dias para doar novamente e mulheres de 90 dias, não estar grávida nem amamentando, levar um documento oficial de identidade com foto, ter dormido pelo menos 6 horas antes da doação. O procedimento é simples, rápido e indolor!

O Dia Mundial do Doador de Sangue é uma grande possibilidade para enfatizar mais uma vez por que é essencial que a doação seja altruísta e que haja doadores regulares para garantir um sangue seguro para todos os pacientes que precisem de transfusões. Que tal comemorar essa data salvando vidas? Doe sangue e ajude!

 

(Marcos Antônio de Oliveira, professor, conselheiro municipal de Educação, pedagogo, historiador e teólogo)

Comentários

Mais de Opinião

27 de outubro de 2018 as 22:23

Brasília – Prazo de validade vencido

27 de outubro de 2018 as 21:44

A estratégia de Pedro

27 de outubro de 2018 as 21:18

Bom dia, Brasil

26 de outubro de 2018 as 21:35

As propostas de Bolsonaro

26 de outubro de 2018 as 21:34

Ensaio sobre a criação do espaço

26 de outubro de 2018 as 21:33

Um amor de Goiânia

26 de outubro de 2018 as 21:32

Brasil e totalitarismo

26 de outubro de 2018 as 21:07

Esses corregedores do CNJ são uma piada

26 de outubro de 2018 as 21:00

O voo do DM

26 de outubro de 2018 as 20:57

Casos de câncer de mama sobem no País

26 de outubro de 2018 as 20:53

O Brasil pede socorro à CNBB!

26 de outubro de 2018 as 20:49

O direito de sonhar