Opinião

A vergonhosa decadência moral da política brasileira!

diario da manha

O vendaval da imoralidade de homens públicos, que deveriam ser sérios, mas parece mais uma gigantesca Gomorra, corromperam inúmeras empresas e algumas aparentemente idôneas, dando um tom de austeridade, mas na verdade seus administradores com suas índoles depravadas! Não passam de falsos atores premeditados, com outros sócios “laranjas” marionetados por “institutos” e empresas de “fachadas”, além de dezenas de “ONGs” fajutas, com atividades clandestinas, que são peritas em desviar altos valores em dólares, para os paraísos fiscais, em nomes e títulos fictícios, que mudam de donos, à bel prazer e sempre recebendo os benefícios; são as maneiras ardilosas de aplicar; tomar emprestado, transferir e quitar. São os jeitos que os “expert” ficcionaram para roubar do Brasil! Mas, ainda bem, que a Justiça Federal sabe disso!
Diante de governos, que nos impuseram sem misericórdia, e com açoites de impostos desumanos, taxas, contribuições obrigatórias e ainda a rede bancária toda na administração de estrangeiros, com juros escorchantes, de 15% a.m, e com desigualdades sociais, discriminações, indiferenças classistas, cinismos, corrupções por políticos, lobistas e funcionários públicos, que gravitam entre as trevas e a crosta terrestre, nesse espaço traiçoeiro, perspicaz e sorrateiro, da grande onda negativa, que são atraídos e escolhidos, pelas hostes trevosas, num ímã negativo, dos sentimentos de ódio e mágoas, por milênios afora… Somos os mais tributados e humilhados do mundo; nesse vendaval sem fim.
A onda de violência que aumenta assustadoramente com uma tormenta noturna, entre todos, como um contágio virulento, numa sensação  de perda dos direitos. Os que procuram escapar das armadilhas traiçoeiras das trevas, tem que lutar com a força de vontade ferrenha, e pedir a Deus, porque eles querem nos dominar!…
O desemprego gera a pior das crises, pois afeta diretamente o núcleo familiar, numa degradação mental, onde inicia as ondas eletromagnéticas que entrelaçam as forças psíquicas, que vão muito além do nosso imaginário, e não podemos deixar fechado, num ostracismo intelectual, em prejuízo de muitos, e é preciso abrir espaço, para fluir ideias, buscar os sonhos adormecidos,  construir pensamentos altruístas e lembrar da esperança viva do sorriso duma criança!… Temos de ir em frente!
Certamente, após o vendaval, demonstrado nos livros herdeiros do Novo mundo, psicografia de André Luiz Ruiz, ditado pelo espírito Lúcius e no livro A Nova Jerusalém, de Antonio Demarchi, pelo espírito Virgilio. E com a consciência renovada, numa aura índigo,  cristal ou assemelhada, dessa verdade bruta, mesmo com migalhas de luz, pois precisamos e queremos uma trégua para reconstruir nosso novo mundo, com as esperanças renovadas! Queremos pedir ao soberano Senhor um novo amanhecer, sem os males de ontem, com a vitória final da Luz!…

(Lucas Pimentel, advogado e kardecista – E-mail: [email protected])

Comentários

Mais de Opinião

27 de outubro de 2018 as 21:44

A estratégia de Pedro

27 de outubro de 2018 as 21:18

Bom dia, Brasil

26 de outubro de 2018 as 21:35

As propostas de Bolsonaro

26 de outubro de 2018 as 21:34

Ensaio sobre a criação do espaço

26 de outubro de 2018 as 21:33

Um amor de Goiânia

26 de outubro de 2018 as 21:32

Brasil e totalitarismo

26 de outubro de 2018 as 21:07

Esses corregedores do CNJ são uma piada

26 de outubro de 2018 as 21:00

O voo do DM

26 de outubro de 2018 as 20:57

Casos de câncer de mama sobem no País

26 de outubro de 2018 as 20:53

O Brasil pede socorro à CNBB!

26 de outubro de 2018 as 20:49

O direito de sonhar

26 de outubro de 2018 as 20:47

O STF legisla demais